• Redação / Revista Publiracing

MSC Cruzeiros e Fincantieri comemoram float out do gigante MSC Seaview


A MSC Cruzeiros, baseada na Suíça, e líder de mercado na Europa e América do Sul, e o estaleiro FICANTIERI, herdeiro da respeitável tradição em construção naval italiana e um dos maiores grupos de construção naval do mundo, comemoraram o float out do MSC Seaview (momento em que a embarcação flutua pela primeira vez). A cerimônia foi realizada no estaleiro Monfalcone, na Itália, onde a embarcação está sendo construída.

Com 323 metros de comprimento, 154 mil toneladas, e capacidade para 5.179 hóspedes, o MSC Seaview é o segundo transatlântico da geração Seaside e fruto de um protótipo altamente inovador, desenvolvido para que os hóspedes possam desfrutar dos climas quentes e ensolarados bem perto do mar. O meganavio entrará em operação em junho de 2018, apenas seis meses após a inauguração de seu gêmeo, MSC Seaside, que estará pronto para navegar em novembro e que iniciará sua Grand Voyage de Trieste (Itália) até Miami (USA), em dezembro deste ano.

A primeira temporada do MSC Seaview acontecerá no Mediterrâneo, durante o verão europeu de 2018, oferecendo aos cruzeiristas a oportunidade de conhecer sete portos incríveis, em quatro países: Gênova, Nápoles e Messina, na Itália, Valetta, em Malta, Barcelona, na Espanha, e Marselha, na França. Para saber mais sobre esses itinerários, clique aqui.

Já na temporada nacional 2018-2019, o transatlântico "seguirá o sol" até o Brasil e fará escalas em Santos, Ilha Grande, Búzios, Porto Belo e Balneário Camboriú, além de outros portos da América do Sul.

"O float out do MSC Seaview é mais um marco importante na expansão de nossa frota. Este navio é parte de nosso plano de investimento de dez anos, por meio do qual entregaremos, até 2020, seis novas embarcações", comenta Pierfrancesco Vago, Executive Chairman da MSC Cruzeiros. "Nós, da MSC Cruzeiros, estamos abrindo novos horizontes com os projetos de nossos transatlânticos, uma vez que cada nova geração de navios tem como prioridade atender às necessidades de cruzeiristas de todas as idades e com diferentes expectativas. A construção do MSC Seaview foi inspirada por nossa paixão pelos oceanos e pela busca de nossos hóspedes por sol e mar, elementos básicos das férias e que elevamos a um novo patamar, por meio de uma envolvente experiência interativa à beira mar, mesmo durante a navegação. Já somos a marca líder em cruzeiros no Mediterrâneo e na Europa, e este novo lançamento na região contribuirá para ultrapassarmos barreiras, oferecendo um dos transatlânticos mais inovadores a um mercado fundamental para o nosso negócio e com o qual estamos extremamente comprometidos", concluiu Vago.

"O MSC Seaview representa um desafio que o Fincantieri se orgulha em superar, e o marco de hoje é prova disso. Este é um navio espetacular, o segundo de uma nova geração, que tem colocado a prova nossas habilidades técnicas e gerenciais, sobretudo considerando que este float out aconteceu menos de nove meses depois da inauguração desta nova classe, com o MSC Seaside. Estes belíssimos meganavios requerem muita dedicação e nosso Grupo os entregará para atender às expectativas da armadora em termos de confiança e qualidade", comenta Giuseppe Bono, CEO do Estaleiro Fincantieri.

O float out é um importante marco na construção de um transatlântico por ser o momento em que a embarcação entra em contato com a água pela primeira vez, por meio da inundação da doca seca. A partir de então, inicia-se a etapa final de sua construção, com a finalização do interior, montagens e mobília.

O MSC Seaview será o terceiro transatlântico de última geração a entrar em operação em apenas 12 meses, após o MSC Meraviglia (inaugurado em junho de 2017) e MSC Seaside (previsto para novembro de 2017).

A MSC Cruzeiros, que faz parte da Mediterranean Shipping Company, é a empresa de cruzeiros marítimos número 1 da Europa, América do Sul e Sul da África, e navega o ano inteiro pelo Mediterrâneo e pelo Caribe. Seus itinerários sazonais incluem o Norte da Europa, o Oceano Atlântico, Cuba e as Antilhas Francesas, América do Sul, Sul da África e Abu Dhabi, Dubai e Sir Bani Yas.

Em 2014, a MSC Cruzeiros lançou um plano de investimento para dar suporte à segunda fase de seu crescimento por meio da encomenda de dois navios da geração Meraviglia e dois outros da geração Seaside (além da opção de uma terceira embarcação). Já em fevereiro de 2016, confirmou a opção de construir mais dois navios da geração Meraviglia-Plus com uma capacidade ainda maior. Em abril do mesmo ano, o investimento chegou a 9 bilhões de euros com o anúncio da assinatura do acordo de reserva de vaga para construir mais quatro navios, todos com a tecnologia de propulsão de última geração LNG. A armadora é a primeira companhia global de cruzeiros a desenvolver um plano de investimento dessa duração e magnitude, que entre 2017 e 2020 entregará seis novas embarcações.

A experiência da MSC Cruzeiros incorpora o estilo elegante do Mediterrâneo para criar emoções únicas e inesquecíveis para os seus hóspedes, por meio da descoberta das culturas, belezas e sabores de todo o mundo. Sua frota contempla 13 modernos navios: MSC Meraviglia, MSC Preziosa; MSC Divina; MSC Splendida; MSC Fantasia; MSC Magnifica; MSC Poesia; MSC Orchestra; MSC Musica; MSC Sinfonia; MSC Armonia; MSC Opera e MSC Lirica.

A MSC tem muito respeito para com o meio ambiente no qual atua e foi a primeira empresa a conquistar o "7 Golden Pearls", do Bureau Veritas, por sua incomparável gestão ambiental. Em 2009, a companhia iniciou uma parceria duradoura com a UNICEF para apoiar vários programas de assistência à criança em todo o mundo. Até hoje, mais de 7 milhões de euros foram arrecadados com a doação voluntária de seus cruzeiristas.

#MSCCRUZEIROS #LAZER #TURISMO