top of page

Extreme E: McLaren Racing apresenta piloto e carro para a temporada 2022


Extreme E: McLaren Racing anuncia Emma Gilmour como piloto da equipe para a temporada 2022

A McLaren Racing anunciou hoje Emma Gilmour como a primeira mulher a competir pela equipe McLaren Extreme E em 2022. Além do anúncio de Emma, realiza-se hoje um evento com a mídia durante a COP 26 - Conferência sobre Mudança Climática da ONU em Glasgow, com Sua Alteza Real, o Príncipe de Gales. O encontro também marca a entrada da McLaren Racing na Extreme E e a exibição do espetacular design do carro da McLaren.


A McLaren é a última equipe a se unir à série em 2022, aumentando a conscientização sobre o impacto da mudança climática, participando dos importantes Programas de Legado da Extreme E e colaborando com o engajamento de seus fãs em todo o mundo para tomar medidas relacionadas às mudanças climáticas. O automobilismo tem se constituído como um ator fundamental para inovação e tecnologia no transporte, e a Extreme E conta com algumas das equipes mais famosas do mundo, apresentando os últimos avanços em tecnologia limpa, para competir em alguns dos locais mais remotos e deslumbrantes do mundo.



O CEO da McLaren Racing, Zak Brown, a engenheira de corrida da McLaren para a Extreme E, Leena Gade, o renomado cientista climático professor Carlos Duarte e o designer gráfico da McLaren Extreme E, Vic Lee, estiveram presentes com Emma Gilmour no encontro com Sua Alteza Real.


Nativa da Nova Zelândia, Emma é conhecida por sua vasta experiência em rally, rallycross, rally cross-country e, mais recentemente, competindo na temporada inaugural da Extreme E. Em 2016, tornou-se a primeira e única mulher a vencer um campeonato de rally na Nova Zelândia, além do “FIA Women in Motorsport” e da seleção de rally cross-country da “Qatar Motor and Motorcycle Federation (QMMF)” em 2015. Emma completa o time de pilotos da McLaren Extreme E para 2022 ao lado do norte-americano Tanner Foust.


Extreme E: McLaren Racing anuncia Emma Gilmour como piloto da equipe para a temporada 2022

O anúncio da mais nova piloto da McLaren, um momento histórico para a McLaren Racing, foi ainda mais emocionante pelo fato de Emma ser compatriota do fundador da equipe, a lenda do automobilismo, o engenheiro e inovador, Bruce McLaren.


A design do carro da McLaren Extreme E foi apresentado pela primeira vez durante o encontro no Kelvingrove Museum, em Glasgow. O design, feito à mão pelo premiado artista e ilustrador, Vic Lee, representa todo o calendário de corridas nos quatro biomas visitados pelo campeonato - Ártico, Amazônia, Deserto e Oceano. As ilustrações do design incluem as diferentes paisagens, inspirando-se no legado deixado nos locais de corrida pela Extreme E, seus organizadores e pelas equipes, detalhando também algumas das medidas que podem ser tomadas para reduzir o impacto das mudanças climáticas.



O design reflete ainda o compromisso da McLaren Racing com a iniciativa ‘Count Us In’. O ‘Count Us In’ é um movimento global de pessoas e organizações para inspirar um bilhão de pessoas a tomar medidas práticas para reduzir sua pegada de carbono através do compromisso com uma ou mais das 16 etapas previstas pela ação. Os nomes dos primeiros fãs, funcionários e parceiros da McLaren Racing que se comprometeram com a iniciativa estarão no carro de corrida Extreme E junto com uma letra “C”, representando Sua Alteza Real, como um tributo por seus grandes esforços nas últimas quatro décadas na defesa de ações para um futuro sustentável.


Durante o encontro, o professor Carlos Duarte falou sobre o Programa de Legado da Extreme E, que pretende oferecer apoio social e ambiental aos locais onde a Extreme E compete. A Extreme E só realiza suas corridas em locais onde pode aumentar a consciência climática, e os carros de corrida totalmente elétricos são transportados para os lugares de corrida por um navio de carga de passageiros reformado, o antigo “Royal Mail Ship St Helena”. O navio também serve como um "laboratório flutuante", ou sala de aula, onde podem ser realizadas palestras ou pesquisas durante as corridas.

Extreme E: McLaren Racing anuncia Emma Gilmour como piloto da equipe para a temporada 2022

Sua Alteza Real também pôde ver uma demonstração, feita pelo CEO da AFC Energy, Adam Bond, de como a geração de energia movida a hidrogênio - uma alternativa de emissão zero que dispensa a rede elétrica-, está sendo usada de forma pioneira pela Extreme E e por todas as equipes de corrida para carregar remotamente os SUVs elétricos da série de forma totalmente sustentável. Leena Gade faz parte da equipe McLaren Extreme E como Engenheira de Corrida à serviço da Multimatic, parceira de dinâmica de veículos da McLaren Extreme E. A engenheira de corridas britânica tem uma vasta trajetória no automobilismo atuando como engenheira no Campeonato Mundial de Resistência da FIA e na série IndyCar, destacando-se como a primeira mulher engenheira de corridas a vencer as 24 Horas de Le Mans em 2011.


Após o anúncio, e antes do início da nova temporada da série em 2022, Emma Gilmour, Leena Gade e o carro da McLaren Extreme E participarão de outros eventos, incluindo a visita a uma escola secundária e um debate na Universidade de Newcastle, com o objetivo de promover futuras oportunidades no campo da tecnologia. Os encontros foram organizados pela McLaren Racing para evidenciar a diversidade e o propósito de inclusão através do esporte, bem como a importância de seu programa “McLaren Racing Engage”, lançado em junho deste ano. O programa, que promove a diversidade, a inclusão e visa criar oportunidades para todos no campo da tecnologia, é um resultado da aliança estratégica com quatro organizações especializadas no tema - Women’s Engineering Society (WES), EqualEngineers, The Smallpiece Trust e Creative Access. O objetivo é impulsionar uma série de iniciativas colaborativas para diversificar o talento no automobilismo. O carro da McLaren Extreme E também será exibido na Zona Verde da COP26 de 8 a 12 de novembro.

Extreme E: McLaren Racing anuncia Emma Gilmour como piloto da equipe para a temporada 2022

Zak Brown, CEO da McLaren Racing, disse:

“Estamos orgulhosos de nos unir à a Sua Alteza Real para anunciar Emma Gilmour como a primeira mulher a pilotar pela McLaren Racing. Emma completa nosso emocionante e competitivo time de pilotos ao lado de Tanner Foust para a nossa primeira temporada na Extreme E. Ela é uma vencedora e provou seu valor este ano na Extreme E e em seu vasto histórico nas competições off-road em várias séries de corrida em todo o mundo. É muito oportuno que nossa primeira piloto mulher seja da Nova Zelândia, assim como nosso fundador Bruce McLaren.”

“Poder anunciar a chegada de Emma e lançar o nosso design com Sua Alteza Real, o Príncipe de Gales, durante a COP 26, dado o seu histórico em sustentabilidade e promoção da educação STEM e da engenharia, alinha-se com o compromisso de sustentabilidade, diversidade e igualdade de gênero da McLaren Racing, temas que estão profundamente enraizados no espírito da equipe. Ver o apoio de toda a família McLaren para os compromissos propostos pelo “Count Us In” evidencia a dedicação de nossos fãs, parceiros e membros da equipe para ajudar a evitar os impactos da mudança climática. Estamos ansiosos para competir na segunda temporada da Extreme E, continuar nosso processo de aprendizagem nesta jornada de descoberta e usar nossa voz para evidenciar as principais questões que impactam o mundo.”

Extreme E: McLaren Racing anuncia Emma Gilmour como piloto da equipe para a temporada 2022

Emma Gilmour, piloto da McLaren Extreme E, disse:

“Estou incrivelmente honrada em ser a primeira mulher a pilotar para a McLaren Racing. Tendo crescido na Nova Zelândia, sei que Bruce McLaren e McLaren Racing são vistos como o topo do automobilismo. Competir na Extreme E no próximo ano com a McLaren é uma oportunidade muito especial. A série é uma plataforma fantástica que representa a igualdade e aborda as principais questões que afetam o nosso planeta e a sociedade. Estou tentando aproveitar minha experiência anterior na Extreme E junto com todas as minhas habilidades em rally, rallycross e rally cross-country, para causar um impacto positivo e inspirar a próxima geração de mulheres pilotos e engenheiras. Mal posso esperar para começar o trabalho com a equipe.”


Alejandro Agag, CEO da Extreme E, disse:

“Estou muito feliz em comemorar o próximo passo nesta nova jornada emocionante para a McLaren Racing, que dá as boas-vindas à talentosa Emma Gilmour em seu time de pilotos da Extreme E, além de apresentar um design único inspirado em mensagens de sustentabilidade tão importantes.”

“A Extreme E é uma série dedicada a usar sua plataforma para inspirar e engajar os fãs do automobilismo em relação à sustentabilidade e possíveis soluções para os problemas ambientais, por isso me sinto especialmente orgulhoso de ver a equipe participar aqui em Glasgow da COP 26 com o apoio de Sua Alteza Real, o Príncipe de Gales. É certamente um sinal muito positivo do compromisso que a McLaren vem assumindo, e desejo muito sucesso a toda a equipe.”


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Automobilismo entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Commentaires


350x250.gif
300.250.png
bottom of page