top of page

CPTT: Mais de 60 inscritos na ronda inaugural a partir de hoje em Beja


CPTT: Mais de 60 inscritos na ronda inaugural a partir de hoje em Beja

Até domingo a cidade de Beja acolhe a comitiva do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno|AM48 para a ronda inaugural da competição. A Baja TT MONTES ALENTEJANOS | ESC ONLINE marca o início de uma temporada composta por sete provas e que conta com a chegada das viaturas de última geração, os T1+, ao Campeonato Nacional. Serão 61 as equipas que participam na primeira prova da temporada, numa luta pela vitória que será disputada ao segundo, com os carros da geração anterior (T1) a poderem naturalmente surpreender, fruto da experiência acumulada até aqui pelos pilotos que não fizeram, por agora, o upgrade.


A organização do evento está confiante que este seja o pontapé de saída para uma temporada de sucesso do CPTT em 2023. O número de inscritos reflete o aumento da popularidade da modalidade e os pilotos olham para a temporada com grande ambição. João Ferreira, Campeão Nacional Absoluto, não marcará presença nesta primeira ronda da temporada, fruto da sua participação a tempo inteiro no Campeonato de Mundo de Rally-Raid (W2RC). A ausência do piloto de Leiria, que venceu seis das sete provas disputadas em 2022, deixa espaço para novas lutas, e João Ramos, um dos pilotos a marcar presença ao volante de uma Toyota Hilux T1+ admite que:

“Como vai ser tudo novo para mim, inclusive o navegador [Pedro Ré], sinto que terei de ter uma postura de muita ponderação, pois necessitarei de tempo e de quilómetros para perceber tudo… Fiz um grande esforço para correr nesta prova, pois se assim não fosse o meu campeonato ficaria desde logo mais comprometido. Qualquer pontuação será boa caso termine nos lugares da frente, mas não faço ideia se irei consegui-la. Quanto ao resto da época, claro que o meu objetivo passa pela discussão do título principal. Mais uma vez, vamos ter um ótimo campeonato, com equipas de grande nível e muita competitividade, mas muitos T1+ ainda não chegaram. Creio que na segunda prova, a Baja Extremadura, já estaremos todos na máxima forçou.” explicou um dos pilotos mais carismáticos do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno|AM48 2022.

Mas não são só as categorias T1+ e T1 que estão repletas de viaturas de ponta e pilotos competentes, como é o caso de Tiago Reis, Bruno Oliveira, Nuno Madeira ou Lino Carapeta. As categorias T3, T2 e T8 receberam vários novos nomes que vem ajudar na promoção da modalidade, com destaque para Armindo Araújo, Campeão Nacional de Ralis 2022 que passa a competir também no Todo-o-Terreno e a tempo inteiro, ao volante de um Can-Am inserido na categoria T3.

“Sendo praticamente tudo uma grande novidade para mim, e pelo desconhecimento que tenho das provas e dos meus adversários, parto para esta Baja dos Montes Alentejanos sem qualquer objetivo em termos de classificação. É importante este ano assimilarmos o máximo de conhecimento das provas e do carro e, por isso, o nosso foco principal é esse. Lógico que, como fazemos sempre em todas as provas que participamos, tentaremos andar o mais rápido possível, mas sem pensar no resultado final”,

explicou o hepta Campeão Nacional de Ralis, que terá como companheiro de equipa o Campeão Nacional da categoria T3, João Dias, e adversários como Pedro Carvalho, Alexandre Pinto ou Luis Portela de Morais. Na classe T2, destaque para o regresso à competição do antigo Campeão, Rui Sousa, na sua já mítica Isuzo DMax.


O entusiasmo do início da temporada no Todo-o-Terreno estende-se ao Presidente da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting, Ni Amorim:

“Estamos muito entusiasmados com o arranque da temporada 2023 do Campeonato de Portugal de Todo-o-terreno AM|48. Temos em Portugal, um dos melhores campeonatos do mundo, mas este ano voltamos a dar um passo em frente em termos competitivos com a presença das novas máquinas T1. Infelizmente nem todas chegaram a tempo desta primeira prova, mas estarão certamente para a segunda. Vamos com isso ter certamente a maior lista de inscritos dos últimos anos. Aliado a isso, temos cada vez mais jovens pilotos a encararem o todo-o-terreno como modalidade para o futuro. E isso é muito interessante. Esta primeira prova será o 'aperitivo' para o que iremos ter no resto do ano: muita competitividade, um parque automóvel invejável e pilotos novos a destacarem-se corrida após corrida.”

Desportivamente a primeira ronda do CPTT, arranca nesta sexta-feira com a disputa de um prólogo com 5,56 km cronometrados, que está agendado para as 16h30 e será transmitido, em direto, nas redes sociais da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting. Já no sábado será realizado um Setor Seletivo com 154,83 kms e no domingo os pilotos irão realizar o mesmo percurso, num total de 315,45 km cronometrados percorridos. A Baja TT Montes Alentejanos terá novamente o Parque de Feiras e Exposições de Beja como o quartel-general da prova organizada pelo CPKA – Clube de Promoção de Karting e Automobilismo.


 

Com jornalistas nos dois lados do oceano, informamos que nossos textos contêm expressões e palavras utilizadas tanto no Brasil como em Portugal, de acordo com a origem do conteúdo e o mercado principal a que se destinam.


Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio



Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito.


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Automobilismo entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br


Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page