top of page

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4


Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4
Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4
Ficha Técnica Chevrolet S10 High Country

Nossa equipe rodou ao longo de cerca de mil quilômetros com a versão mais completa da linha de picapes S10 da Chevrolet.


Chamada de High Country, o nome da versão imediatamente nos remete ao campo, a terrenos exigentes, força e capacidade. Uma herança histórica de décadas de ligação ao campo e que levam o brasileiro a ter um carinho muito especial por este tipo de veículos, as picapes.


No caso da S10, ela faz parte do universo das chamadas picapes médias, e especificamente nesta versão mais completa, ela expõe no que hoje se transformaram este tipo de produtos, que vão muito além da capacidade de trabalho, sendo por dentro SUVs de recursos muito interessantes.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Mas ainda antes de falarmos especificamente da proposta que testamos, agradecemos desde já a vossa leitura, deixando o espaço de comentários à disposição para interagirem conosco através da vossa opinião e agradecendo também o compartilhamento da matéria com conhecidos, amigos e família. Outro convite é para que se inscrevam no nosso canal de vídeo no youtube, além de sugerir que sigam nossas mídias sociais no Faceboook, Instagram e Twitter.


A Chevrolet S10 aparece invariavelmente entre as duas picapes médias mais vendidas no mercado brasileiro ao longo dos últimos anos, e numa disputa (a dois) com a Toyota Hilux da Toyota. Como referência as 3321 unidades vendidas em junho, número muito próximo das 3535 da líder japonesa. A terceira posicionada, e bem distante, foi a Mitsubishi L200 com 1195 unidades. No acumulado do ano a S10 é também a segunda mais vendida com 12 782 unidades, deixando Ford Ranger, Mitsubishi L200 e Nissan Frontier bem atrás em desempenho comercial, e apenas a Hilux ficou na frente, modelo que lidera totalizando 19 236 unidades emplacadas até final de junho.


Como um dos produtos de destaque da marca no Brasil, a linha S10 é alvo constante de muita atenção, com atualizações, versões especiais e uma vasta linha e opções que vão das versões 4x2 a 4x4, com motorizações 2.5 Flex ou diesel.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Já olhando para ela, a nova frente segue o estilo da mais atual linha de utilitários globais da Chevrolet, no entanto agora existe uma clara diferenciação entre a versão topo de linha High Country e as demais versões, reforçando o aspecto de exclusividade da proposta.


Na nova S10 High Country, a grade frontal é toda escura e traz o nome Chevrolet em alto relevo sobre uma barra central. A tradicional gravata dourada, emblema da marca, está nesta versão localizada à direita, sobre uma grade tipo colmeia. Todo esse conjunto harmoniza com os faróis em LED e com o para-choque. Se as peças em cromado tradicionalmente remetem a mente do publico para a “dureza” das picapes médias, nesta versão topo de linha o acabamento diferenciado tenta entregar um pouco mais de esportividade aliado na exclusividade da proposta.


Falando de para-choque, a peça também passou por atualização. Conta com aplique central em cor diferenciada e uma moldura na parte inferior, que foi projetada para melhorar a capacidade do veículo de superar obstáculos, resultando num ângulo de ataque que passou de 27 para 29 graus.


Outro elemento relevante para picapes off-road é o conjunto de faróis auxiliares. As luzes agora ficam em posição mais elevada, proporcionando maior proteção às lâmpadas e melhor poder de iluminação em determinadas situações, como em trechos de mato crescido ou até pequenos cursos de água.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Na lateral, a S10 High Country chama a atenção pelas novas rodas esportivas de aro 18. Ela combina as bordas usinadas com o centro e os raios em preto brilhante. De aparência bem esportiva, nelas são instalados pneus radiais de medida 265/60 R18 relembrando que na grande maioria das versões da linha S10 as rodas são de aro 16, sendo o aro 18 compartilhado apenas com a versão LTZ diesel.


Outro aspecto lateral marcante é o Santo Antonio envolvente e carenado, exclusivo da versão High Country e que permite também mais volume para a caçamba (1.329 litros), espaço de carga que vem protegido com capota marítima. Ainda nas laterais do Santo Antonio o adesivo identificador da versão que é colocado também na parte inferior esquerda da tampa traseira.


Nesta área do veículo, a principal novidade é o amortecedor da tampa traseira, que torna a operação de manuseio muito mais suave. O item é ofertado como acessório e serve às demais versões (LS, Advantage, LT e LTZ). Agora ao abrir a porta traseira ela cai de forma suave.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Ainda na tampa é visivel a lente da câmera de ré que projeta agora imagens de alta definição e conta com a função de engate. Traz linha-guia específica e zoom para facilitar a operação. Ainda como importante particularidade, o usuário consegue acionar temporariamente a câmera traseira em plena viagem para uma checagem da situação do reboque.


Como dados importantes, suas principais dimensões são: 5.361 (mm) de comprimento, 1.874 de largura, 1.831 de altura e entre eixos de 3.096. Finalizando a lista das principais dimensões do modelo, os 1.484 (mm) de comprimento e 1.534 de largura na caçamba, importante área de uma picape.


Finalizando nossa observação externa, dizer que as maçanetas das portas são na cor da carroceria, além de uma referência para o friso cromado na parte superior das portas, o mesmo acabamento utilizado na maçaneta da tampa traseira, nos espelhos retrovisores e no para-choque traseiro. Em relação aos espelhos retrovisores referir que eles têm luz indicadora de direção integrada, ajuste e rebatimento elétrico. Ainda harmonizando com os detalhes em preto, o Rack de teto assina um resultado final em termos de design que prioriza a exclusividade da versão topo de linha da linha S10.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Se por fora a versão High Country ganhou um acabamento com toque mais esportivo, por dentro a Chevrolet adicionou principalmente tecnologia ao serviço do conforto.


São exemplos do ótimo pacote, o sensor crepuscular e de chuva, o ar-condicionado digital, o auxilio de saída em rampa, controle de velocidade em declive, velocidade de cruzeiro, alerta de ponto-cego, de saída de faixa e colisão frontal, agora com frenagem autônoma de emergência. Retrovisor interno eletrocrômico, vidros com função um toque para as quatro portas e banco do motorista com regulagem elétrica de altura, distância e inclinação do encosto. Já na segurança destaque para os 06 Airbags de série para toda a linha (duplo frontal, duplo laterais e duplo de cortina).


Dando continuidade na descrição ao conteúdo interno, destaque para a mais recente atualização do Chevrolet MyLink, com tela LCD sensível ao toque de 8", com integração com smartphones através do Android Auto e Apple CarPlay e ainda projeção da tela do smartphone sem uso de cabo.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

O bom sistema de áudio é distribuído através de 4 alto falantes e 2 tweeters, entregando um ótimo ambiente sonoro e fazendo esquecer que lá fora “pulsa” um motor diesel, aliás o isolamento acústico vem melhorando substancialmente deixando do lado de fora uma grande parte dos sons indesejados.


Como todo o Chevrolet, não falta o sistema Onstar bem como o Wi-Fi embarcado no veículo.


Finalizando a observação ao interior, referência obrigatória para o importantíssimo dispositivo de ancoragem para cadeiras infantis no padrão ISOFIX e Top Tether.


A S10 entrega uma posição de condução não só confortável, mas também segura, já que os ajustes do banco permitem deixar qualquer condutor com uma visão privilegiada da estrada e dos obstáculos, além da cabine disponibilizar todos os principais comandos no painel e portas de forma fácil e bem iluminados, quando em condução noturna.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

No volante temos ainda os principais ajustes do sistema de áudio e celular além do controlador de velocidade de cruzeiro, aproveitando para referir que a coluna de direção tem regulagem apenas em altura.


Hora de dar partida ao 4 cilindros 2.8 turbo diesel, um motor 16 válvulas de 200 cv nas 3400 rpm e torque de 51,0 kgfm a iniciais 2000 rpm. As características técnicas do motor já antecipam a dinâmica do mesmo, que trabalhando em conjunto com o câmbio automático de 6 velocidades (com opção de manual sequencial) entrega aquele que é o comportamento mais próximo e um veículo de passeio de entre as principais picapes médias disponibilizadas no Brasil.


A evolução é suave e sempre com força generosa a giros bem baixos. A S10 entrega trocas de marcha inteligentes e interpretando muito bem a intensidade do pedal da direita através de uma configuração de câmbio muito interessante no modo automático. Com isso o giro do motor turbo diesel sempre trabalha em níveis baixos, favorecendo ainda mais a eficiência energética além do conforto. A proposta se mostra dócil ao dirigir na cidade, apesar de suas dimensões e peso, além de proporcionar manobras em segurança devido a sua prontidão e rapidez. Quando solicitado em rodovia, em manobras como ultrapassagens, por exemplo, ela é pronta nas reações, sendo rápida e transmitindo uma sensação de segurança muito agradável.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Outra solução mecânica que participa ativamente na sensação de conforto da proposta é a suspensão da S10, a picape média que mais se aproxima de um utilitário esportivo, tem na suspensão traseira, especialmente, um papel fundamental no equilíbrio entre capacidade de trabalho, desempenho em segurança e conforto na cidade. O conjunto é Independente, com braços sobrepostos na dianteira e eixo rígido com feixe de molas semielípticas na traseira.


Através desta solução, e principalmente do seu ajuste, a engenharia da GM conseguiu um equilíbrio referência no segmento para este tipo de produto, sendo sentido sua versatilidade em qualquer situação em que colocamos nossa S10.


Outro aspecto que faz da S10 High Country um veículo muito prazeroso de dirigir é a direção elétrica. De reações rápidas e precisas ela proporciona conforto no dia a dia urbano, permitindo manobras de estacionamento sem esforço além de rápidas e precisas reações em manobras evasivas, por exemplo. Além disso, em estrada a direção se apresenta firme, proporcionando uma sensação de controle permanente dos movimentos em velocidades maiores.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Também sem ressalvas, é o sistema de freios, composto por discos na frente e tambor atrás, freio anti-blocante (ABS) com sistema eletrônico de distribuição de frenagem (EBD) e assistência de frenagem de emergência (BAS) nas rodas traseiras e dianteiras.


Sempre sentimos muita segurança no dia a dia dos praticamente 1000 km de nosso teste, bem como nos testes de frenagem mais intensos que realizamos em diversos tipos de terreno, lembrando que a S10 tem nesta versão topo de linha tem um peso de 2.042 kg e capacidade de carga de 1.108 kg.


Um dos fatores que leva o comprador a optar quando possível pelas versões com motor diesel é a economia de combustível, lembrando que estes propulsores são cada vez mais tecnológicos e eficientes e também proporcionalmente cada vez menos emissores de partículas. No caso das versões diesel da Chevrolet S10 o tanque de combustível é de 76 litros (80 litros nas versões flex), e que após nosso teste com cerda de 500 km percorridos em cada um dos cenários de nosso circuito misto (urbano e estrada) o resultado foi 9,5 km/l de média, lembrando nosso leitor que realizamos ainda alguns quilômetros em terrenos mais exigentes para avaliar a capacidade de encarar situações mais extremas de verdadeiro 4x4 com redutora acionada e onde a S10 se sai muito bem.

Avaliação: Chevrolet S10 High Country tem conforto de SUV e desempenho de 4x4

Conclusão do Editor

Quando referimos que a S10 é a mais equilibrada das picapes médias atualmente disponibilizadas no Brasil, é precisamente pela sua grande versatilidade, sendo um confortável SUV para a família, com uma suspensão que absorve da melhor forma as irregularidades na estrada ou na cidade, especialmente deixando a traseira bem mais estável quando a caçamba está vazia, o que acaba por ser a situação mais comum no rotineiro dia a dia. Mas a S10 é também um carro para trabalhos mais exigentes e duros, entregando capacidade carga na caçamba e de reboque, sendo o seu leque de aptidões dinâmicas completo através da capacidade de encarar terrenos exigentes sem grandes restrições.


Especialmente nesta versão High Country, a Chevrolet S10 expõe toda a qualidade de um produto que é um dos destaques e referência da marca no país, um produto que ao longo das últimas décadas vem acompanhando a evolução do segmento e que em sua recente atualização mantém a linha S10 em alto nível, sendo, por isso mesmo, invariavelmente uma das picapes médias mais vendidas no Brasil. E como vocês leram, razões não faltam.


Para publicidade, patrocínio ou parcerias na seção Avaliações/Testes entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Classificação do Teste Chevrolet S10 High Country - Versões equiparadas
Classificação do Teste Chevrolet S10 High Country - Versões equiparadas


Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page