• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

JP Mauro e Felipe Fraga vencem 500 km em Interlagos na Porsche GT3 Cup


Foram 500 km de muita velocidade e adrenalina em Interlagos no encerramento da temporada 2017 da Porsche Império GT3 Cup. Eram quatro títulos em jogo, dos certames de endurance e overall das classes Cup e Challenge.

Depois de muitas disputas, quem saiu sorrindo foi Miguel Paludo e a equipe Brandt. Correndo em dupla com o terceiro colocado do campeonato da Nascar Xfinity Series, Justin Allgaier, o gaúcho fechou a prova de 500 km em sétimo lugar. Favorecido pelos contratempos dos carros #3 e #63, a dupla do carro #7, mesmo fora do pódio, buscou a pontuação necessária para tornar o piloto de Nova Prata pentacampeão do evento dos carros de corrida mais produzidos no planeta. Miguel agora tem dois títulos de sprint, um de endurance e dois overall em seu currículo.

A prova foi movimentada desde o início e não teve intervenções do safety-car. Mesmo assim as estratégias foram bastante variadas, tanto que a jornada de 117 voltas teve nada menos que 17 trocas de liderança, entre seis carros diferentes. É verdade que o carro #3, dos poles e favoritos Ricardo Baptista e Sergio Jimenez, dominou a primeira metade da prova, liderando 48 das primeiras 60 voltas. Mas perdeu força com uma quebra na manga de eixo numa das paradas, o que obrigou os pilotos a recorrerem ao carro reserva depois de perder um bom tempo numa das paradas regulamentares nos pits.

No fim prevaleceu a dupla JP Mauro e Felipe Fraga com o carro #90. Eles assumiram a dianteira pela primeira vez na 74a passagem, voltaram a liderar nas voltas 96 e 97. E retomaram o primeiro lugar na volta 112, levando o carro até o final. Foi a primeira vitória de Fraga na Porsche Império GT3 Cup, a primeira vitória de JP Mauro na principal divisão do campeonato e também a primeira vitória de um carro com as cores da Hero em corrida da classe Cup.

Em segundo lugar ficou o carro #88, de Edu Azevedo e Ricardo Maurício. O bicampeão da Stock Car registrou pela segunda corrida consecutiva a melhor volta da prova. O desempenho levou a dupla aos mesmos 154 pontos de Lico Kaesemodel/Ricardo Zonta no campeonato de endurance. Mas os competidores da Shell Racing saíram vice-campeões pelos critérios de desempate.

Completaram o pódio da Cup os carros #27, de Ricardo Baptista e Valdeno Brito, #99, de Tom Valle e Daniel Serra, e #13, de Pedro Queirolo e Clemente Lunardi.

Pela classe Challenge a reviravolta seguiu o script similar.

O carro pole era o #21, dos favoritos Eloi Khouri, Diego Nunes e Marco Cozzi. Eles foram superados pelo #19 na largada, mas vinham em ritmo que daria o bicampeonato overall a Khouri. Mas o trio também precisou recorrer ao carro reserva e caiu de produção.

Melhor para a dupla Alan Hellmeister e Luca Seripieri. Vencedores da etapa passada em Goiânia, eles levaram o carro #31 ao 16o lugar no geral, à vitória na categoria e ao campeonato de endurance. Com o resultado, Luca conquistou seu primeiro título no automobilismo, e Alan o segundo título consecutivo das provas de longa duração da Porsche Império GT3 Cup –em 2016 ele havia sido campeão de endurance na classe Cup.

Em segundo lugar recebeu a bandeirada o carro #19, do trio de amigos Tom Filho, Rodrigo Mello e João Gonçalves. Em grande estilo, a performance rendeu a Tom o campeonato overall da classe em 2017. É seu segundo título consecutivo, uma vez que defendia a coroa de endurance, conquistada em 2016 em dupla com Mello.

Subiu em terceiro lugar no pódio da Challenge a dupla de pai e filho Marcus e Lucas Peres. Nando Elias e Rouman Ziemkiewicz ficaram em quarto, enquanto o trio formado por Paulo Totaro, Ronaldo Kastropil e Laszlo Piquet levou o troféu de quinto lugar.

Declarações dos pilotos

“Foram alguns dos minutos mais longos da minha vida essa parte final acompanhando fora do carro. O Felipe Fraga foi muito constante, estamos muito contentes. Nada melhor do que uma vitória para terminar um ano de altos e baixos. Estou muito feliz. Saiu a zica. É minha primeira vitória na Cup. Vamos para o ano que vem. Teve emoção do começo ao fim. Importante que fomos constantes, não sofremos nenhuma punição e levamos o carro até o fim” - JP Mauro

“É um prazer correr com esse moleque, que é o JP Mauro. Ele está guiando muito e fez a diferença durante a corrida. Ele estava virando muito próximo dos outros caras. Tivemos uma estratégia boa, e essa vitória estava até demorando um pouco para sair. No Velo Città, a gente se acidentou. Em Goiânia, o carro quebrou. Mas neste sábado deu tudo certo. Vamos comemorar. A Porsche é tudo impecável. Fico feliz em fazer parte desse projeto, ter o apoio da Hero e do JP que aceitou ser meu companheiro. Foi uma corrida muito divertida. É comemorar agora, porque a gente merece” - Felipe Fraga

“Estou muito feliz pelas conquistas. Não foi o ano mais fácil para a gente, mas acreditamos o tempo inteiro. Tenho muito a agradecer à Brandt e ao Justin Allgaier. Ele saiu muito de sua zona de conforto e foi decisivo acelerando comigo neste sábado em Interlagos” - Miguel Paludo

“Estou feliz demais. Fizemos uma prova consciente o tempo inteiro. O João Gonçalves deu um show, o Rodrigo Mello foi muito rápido. Não conseguia manter o ritmo, porque eu era o cara dos pneus velhos. Mas nosso objetivo era trazer o carro para casa sem nenhum dano e tentar acabar a corrida inteiro. Fizemos a lição de casa. Não estava pensando no Overall, mas começaram a falar no rádio. Estou em êxtase. E a melhor coisa que eu tenho é poder ter minha mulher (Ana Carolina) e meu filho aqui comigo (Enzo). Só faltou a Maria Vitória, que está com febre e não veio. Meu pai também veio, o Tom pai” - Tom Filho

“Estou sem palavras. Só tenho a agradecer minha equipe inteira. Esse foi meu primeiro ano no automobilismo. A confiança que especialmente o Alan Hellmeister, meu técnico, teve em mim, não há preço que pague. Isso é prova de que a gente consegue. É um sentimento de realização, missão cumprida. É um dever feito. O tanto de aula que faltei na escola para estar aqui me dedicando a isso. O título da Endurance mostra o quanto me dediquei” - Luca Seripieri

“Pela minha vontade, podem me chamar para as corridas curtas, longas (risos). Mas só tenho a agradecer. Nesse ano, consegui montar um time com o Zé desde o começo. Fizemos um grande trabalho, com o Luca Seripieri também. Ele fez um excelente segundo stint, foi nesse momento que ele levantou nossa possibilidade de vencer a corrida. Estou muito feliz. Vamos ver no próximo ano. É uma responsabilidade a mais” - Alan Hellmeiste

Classificação da prova

1) JP Mauro/Felipe Fraga

2) Edu Azevedo/Ricardo Maurício

3) Ricardo Baptista/Valdeno Brito

4) Tom Valle/Daniel Serra

5) Pedro Queirolo/Clemente Lunardi

6) Adalberto Baptista/Bruno Baptista

7) Miguel Paludo/Justin Allgaier

8) Sylvio de Barros/Cacá Bueno

9) Lico Kaesemodel/Ricardo Zonta

10) Ramon Alcaraz/Bia Figueiredo/Beto Gresse

11) Marcel Visconde/Werner Neugebauer

12) Beto Leite/Nonô Figueiredo/Marcos Gomes

13) Rodrigo Baptista/Sérgio Jimenez

14) Daniel Schneider/Thomas Preining

15) Francisco Horta/Fabio Carbone/Guilherme Reischel

16) Luca Seripieri/Alan Hellmeister (CHA)

17) Tom Filho/Rodrigo Mello/João Gonçalves (CHA)

18) Carlos Ambrósio/ Felipe Nasr

19) Marcus Peres/Lucas Peres (CHA)

20) Nando Elias/Rouman Ziemkiewicz (CHA)

21) Paulo Totaro/Ronaldo Kastropil/Laszlo Piquet (CHA)

22) Rodolfo Toni/Dennis Dirani (CHA)

23) Marco Billi/Maurizio Billi (CHA)

24) Mario Chomali/Carlos Ruiz (CHA)

25) Ricardo Mendes/Leandro Romera/Alexandre Auler (CHA)

26) Marcelo Stallone/Beto Posses/Rodolfo Ometto

27) Eloi Khouri/Diego Nunes/Marco Cozzi (CHA)

28) Kreis Jr/Giulio Borlenghi/Lucas Foresti

Não completaram:

Marçal Müller/Denis Navarro

Marcus Vario/Dennis Olsen

Pontuação

Cup

1. Miguel Paludo 168

2. Lico Kaesemodel 154

Ricardo Zonta 154

4. Eduardo Azevedo 154

Ricardo Maurício 154

6. Beto Gresse 151

7. Ricardo Baptista 149

Valdeno Brito 149

9. JP Mauro 142

Felipe Fraga 142

11. Sergio Jimenez 137

12. Cacá Bueno 135

Sylvio de Barros 135

14. Pedro Queirolo 129

Clemente Lunardi 129

16. Rodrigo Baptista 104

17. Adalberto Baptista 104

Bruno Baptista 104

19. Daniel Schneider 102

20. Beto Leite 101

Nonô Figueiredo 101

22. Tom Valle 85

Daniel Serra 85

24. Marcel Visconde 80

25. Felipe Nasr 73

26. Ramon Alcaraz 65

Bia Figueiredo 65

28. Justin Allgaier 62

Werner Neugebauer 62

Beto Valério 62

31. Marcus Vario 62

32. Pedro Piquet 55

Marçal Müller 55

34. Guilherme Reischl 52

35. Ingo Hoffmann 50

36. Fernando Fortes 40

37. Nelson Piquet Jr 40

38. Marcos Gomes 32

39. Thomas Preining 29

40. Juliano Moro 26

41. Francisco Horta 26

Fabio Carbone 26

43. Carlos Ambrósio 23

44. Allam Khodair 22

45. Marcelo Stallone 21

Beto Posses 21

Rodolfo Ometto 21

48. Kreis Jr. 19

Giulio Borlenghi 19

Lucas Foresti 19

51. Renan Guerra 0

Denis Navarro 0

Dennis Olsen 0

Guilherme Figueirôa 0

Julio Campos 0

Challenge

1. Luca Seripieri 108

Alan Hellmeister 108

3. Marcus Peres 97

Lucas Peres 97

5. Tom Filho 95

Rodrigo Mello 95

7. Rodolfo Toni 79

Dennis Dirani 79

9. Marco Billi 67

Maurizio Billi 67

11. Eloi Khouri 66

12. Nando Elias 66

Rouman Ziemkiewicz 66

14. Ronaldo Kastropil 59

Paulo Totaro 59

16. João Gonçalves 50

17. Dominique Teysseyre 44

18. Marco Cozzi 40

19. Laszlo Piquet 36

20. Danilo Dirani 32

21. Fabio Carbone 29

22. Esteban Guerrieri 26

23. Mario Chomalí 26

Carlos Ruiz 26

25. Ricardo Mendes 23

Leandro Romera 23

Alexandre Auler 23

28. Diego Nunes 21

29. Ricardo Mendes 17

Sérgio Maggi 17

31. Giuliano Losacco 15

32. Fernando Fortes 0

Fotos: Fernanda Freixosa e Luca Bassani

#PORSCHEGT3CUP #AUTOMOBILISMO

Laja Revista Publiracing
Reserve seu espaço