• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing
729X90.gif

Vendas do Grupo PSA crescem pelo terceiro ano consecutivo


As vendas das marcas do grupo PSA estão em alta. A Peugeot cresceu 12,3% em 2016, e seu novo SUV, o 3008 acumula mais de 60 mil pedidos em apenas três meses, ultrapassando assim em 70% sua meta para 2016. Seu lançamento, já realizado em cerca de trinta países, deve prosseguir em todas as regiões no primeiro trimestre de 2017. Na França, o modelo já chegou à liderança do segmento C-SUV nos três últimos meses de 2016. O novo Peugeot 3008 traduz idealmente a estratégia de subida de gama da marca, com 86% dos pedidos efetuados nas versões de acabamento superiores, Allure, GT-Line e GT. A PEUGEOT prossegue sua internacionalização, com 43% de suas vendas mundiais realizadas fora da Europa, em alta de quatro pontos na comparação com 2015.

O novo 4008 lançado em novembro de 2016 na China e produzido na nova fábrica de Chengdu, dedicada ao segmento SUV, alcançou 120% do seu objetivo. Ele já registrou 11.500 pedidos em menos de seis semanas de comercialização, sendo mais de 40% dos pedidos efetuados nas versões de acabamento superiores.

Já na Citroën o lançamento do novo C3 em novembro, com cerca de 40 mil unidades vendidas desde então, está na origem do aumento de 63% das vendas do modelo no 4º trimestre, sendo cerca de 50% vendidos nas versões de acabamento superior e 75% nas versões de duas cores. Tais escolhas refletem perfeitamente os valores de diferenciação e de bem-estar que norteiam o posicionamento da Citroën.

Com uma gama totalmente renovada em 12 meses, a marca DS se instala progressivamente no segmento premium. O DS 3 se posiciona no top 3 de vendas de veículos urbanos premium na Europa; o DS 4 Crossback representa 34% das vendas do DS 4 e DS 4 Crossback, e 81% das vendas do DS 5 são de versões topo de linha.

O Grupo também estende sua ofensiva em novos produtos no segmento dos veículos utilitários, com o lançamento de sete novas versões da Peugeot Expert e do Citrën Jumpy em 2016, incluindo o lançamento das versões VP PEUGEOT Traveller e CITROËN SpaceTourer.

Na Europa, as vendas do Grupo representaram 1.930.000 veículos e aumentaram 3,6% em 2016. A marca Peugeot, com um crescimento de 4,4% das vendas, sustenta essa progressão, graças principalmente aos novos 2008 (+16% e 184.200 vendas), que ocupa a segunda posição do seu segmento, Partner (+8% e 114.200 vendas) e 208, o best-seller da marca, que continua fazendo sucesso (+8% e 274 mil vendas). A Citroën atravessa uma situação semelhante, com um crescimento de 4,3% e o melhor volume de vendas nos últimos cinco anos (762 mil unidades). Além dos lançamentos ao longo do ano (E-MEHARI, Nova Jumpy, SpaceTourer, Novo C3), a dinâmica da marca é sustentada principalmente pelo C4 Picasso, referência em matéria de monovolumes, reestilizado em setembro (109 mil vendas), mas também pelo sucesso confirmado do Berlingo VU, o segundo furgão mais vendido na Europa. A marca DS dá continuidade ao desenvolvimento de sua rede exclusiva, com 112 DS Stores e DS Salons, e também o primeiro DS Urban Store, situado no coração do prestigioso shopping center de Westfield em Londres, inaugurado em 1º de dezembro de 2016.

Na China e no Sudeste Asiático, num contexto de concorrência intensa, o Grupo atingiu 618 mil vendas. Em dezembro, a DONGFENG PEUGEOT alcançou a melhor performance comercial de sua história, com 43.800 entregas aos clientes, principalmente graças ao novo SUV PEUGEOT 4008.

O SUV Citroën C3-XR confirmou seu sucesso com mais de 73 mil vendas, uma alta de 10,5%, registrando a segunda melhor posição de vendas da DONGFENG CITROËN depois do C-Elysée (87 mil vendas), enquanto o novo grande sedã CITROËN C6, lançado no fim do ano, já registra 4 mil pedidos, sendo cerca de 75% com motorizações e acabamentos de alta gama.

Com 109 DS Stores, a China é o segundo mercado da marca DS, no qual vende um em cada cinco dos seus veículos, sendo 60% dos volumes com o DS6.

Nos mercados do Sudeste Asiático em forte crescimento, a marca Peugeot registrou uma progressão de 72% na Filipinas e 40% em Cingapura. A marca Citroën segue seu crescimento no Sudeste Asiático, especialmente em Cingapura, com o sucesso do C4 Picasso.

Na região Oriente Médio e África, o Grupo PSA duplicou suas vendas em 2016, com 383.500 veículos. Em menos de um ano, o Grupo concretizou sua volta ao Irã com a assinatura de dois acordos de joint venture: a Peugeot com a Iran Khodro, parceiro histórico da marca, e a Citroën com a SAIPA. Lançada no começo de 2016, em parceria com o Grupo iraniano Arian Motor, a DS abriu seu primeiro DS Store em Teerã e comercializa os modelos DS 5, DS 5LS e DS 6.

Na América Latina, as vendas do Grupo tiveram um crescimento de 17,1%, com 183.900 veículos. A participação de mercado do Grupo aumentou na Argentina (+1,6) e no Chile (+1,3) onde as vendas cresceram 32%. Com um aumento global de 23,6%, as vendas da Peugeot progrediram de maneira espetacular, especialmente na Argentina (+39%) com o sucesso, desde o seu lançamento, do 2008 (cerca de 10 mil vendas), no Chile (+32%) e no Brasil (+7%). Por sua vez, a Citroën registrou um crescimento de 6,3%, impulsionado principalmente pelo C3 Aircross (+78%). A DS ocupa a 4ª posição no mercado de automóveis premium na Argentina.

Na Eurásia, onde o contexto econômico permanece muito degradado, sobretudo na Rússia, as vendas do Grupo PSA caíram 12,6%, com 10.500 vendas em um mercado em retração de 12,5%. Na Ucrânia, em um mercado dinâmico (+37,4%), as vendas do Grupo cresceram 43%. O Grupo ampliou sua presença geográfica na região, com o lançamento das operações comerciais de suas três marcas na Geórgia.

Na região Índia e Pacífico, no Japão, após uma progressão de 3,3% em 2015, o Grupo PSA acelerou em 2016 com um crescimento de 20,6%, e atingiu seu melhor resultado desde 2007. A marca Peugeot contribuiu fortemente para essa performance (+27%), principalmente pelos excelentes resultados do 2008 (+63%), 208 (+46%) e 308 (+24%). A chegada da tecnologia BlueHDi em julho permitiu o complemento da oferta energética e contribui parcialmente para sustentar esse crescimento. A Citroën registrou na região um aumento de 7,5% das vendas, graças sobretudo ao lançamento do C4 Cactus no fim do ano no Japão e na Coreia do Sul. Lançada oficialmente no Japão no fim de 2015, as vendas da marca DS cresceram 30%, sustentadas por ações de grande impacto, como a primeira DS WEEK em Tóquio e o lançamento de séries limitadas.

Carlos Tavares, Presidente Mundial do Grupo PSA, afirmou: ”O aumento de nossas vendas pelo terceiro ano consecutivo, em um momento em que a ofensiva focada em produtos do nosso plano Push to Pass está começando, demonstra a pertinência de nossa Core Model Strategy. O sucesso de nossos últimos lançamentos é a prova de que o crescimento que agrega valor é fruto da excelência de nossos produtos e de uma política comercial virtuosa.”

#PSA

Laja Revista Publiracing
Planos.jpg
Reserve seu espaço
Simpósio de Eficiência Energética, Emissões e Combustíveis
Cursos Online AEA