• Revista Publiracing

Renault busca versatilidade com a nova picape Duster Oroch


Uma picape robusta, cabine dupla, com quatro portas, espaço para cinco passageiros, e caçamba para ser utilizada no lazer ou no rabalho.

São através destes atributos que a Duster Oroch chega, e com a responsabilidade de ser a primeira picape da história da Renault. A marca francesa busca assim se posicionar estrategicamente entre as picapes compactas e as médias, unindo as características de ambas.

Derivada do sucesso brasileiro Duster, a picape fabricada em São José dos Pinhais (PR) foi desenvolvida pela RTA (Renault Technology Americas), que tem o objetivo de desenvolver produtos voltados às necessidades e ao perfil do consumidor latino-americano. Como resultado deste desenvolvimento, o modelo traz suspensão traseira multilink em todas as versões, entre-eixos maior em relação ao Duster e dirigibilidade aprimorada para oferecer uma condução precisa e segura como a de um carro de passeio, tanto com a caçamba vazia quanto carregada. No total, foram 4.800 horas de desenvolvimento e 720 mil km de testes na França, Brasil e Argentina.

As linhas da Renault Duster Oroch são assinadas pelo Technocentre da Renault, na França, em parceria com o Renault Design América Latina (RDAL), o único estúdio de desenho e estilo da marca no continente americano, localizado em São Paulo.

A Renault Duster Oroch será vendida em três versões e com duas opções de motores, 1.6 16V Flex e 2.0 16V Flex que já equipam o Duster. Ambos recebem nota “A” em consumo no Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV). O câmbio pode ser manual de cinco ou seis marchas, variando de acordo com a motorização, e com relações específicas.

A picape oferece ainda o Media NAV Evolution da marca, sensor de ré, piloto automático e computador de bordo. Além de uma linha completa de acessórios para aumentar ainda mais a versatilidade de uso, como extensor de caçamba, barras transversais no teto, suporte de bike ou prancha, entre outros.

A aposta da Renault é clara, ganhar espaço num segmento cada vez mais expressivo. No Brasil, as picapes são responsáveis por 80% do mercado de comerciais leves e por 13% do mercado total, com aproximadamente 450 mil veículos vendidos em 2014. Estes números evidenciam a importância destes modelos no mercado nacional. As vendas de picapes compactas cresceram nove vezes entre 2010 e 2014 em comparação com os veículos de passeio. No mesmo período, o volume de vendas das picapes cabine dupla aumentou 50%. Na América Latina, em 2014, o mercado de veículos utilitários representou 1,2 milhão de unidades e se consolidou como um dos mais importantes e concorridos da região.

A Revista Publiracing vai apresentar brevemente uma completa avaliação ao novo produto da marca francesa.

PUBLIRACING

Fotos Renault Press

#RENAULTDUSTEROROCH