top of page

Com clássicos da Opel, Walter Röhrl participa em rali histórico na Alemanha


Opel Commodore GS/E Coupé
Opel Commodore GS/E Coupé

A Opel Classic irá participar no Olympia Rally '72 Revival, que terá lugar na Alemanha de 8 a 13 de agosto. No total, 197 equipas de nove nações irão completar seis etapas diárias entre Kiel, ao norte, e Munique, no sul - um percurso total de 2.252 quilómetros. Entre os inscritos está a lenda dos ralis e bicampeão do mundo, Walter Röhrl, cuja carreira se iniciou há exatamente 50 anos no Olympia Rally original.


"Estamos entusiasmados por podermos contribuir com estas preciosidades para este grande evento através dos nossos modelos clássicos da Opel, tais como o Rallye Kadett de 1971 e o Commodore GS/E Coupé. E, claro, o Opel Olympia também desempenhará um papel à altura, ao igualar o nome do rali", disse Harald Hamprecht, Vice-Presidente, Comunicação da marca.

Opel  Ascona 400
Opel Ascona 400

Walter Röhrl conduz os Opel Commodore GS/E e Ascona 400

Walter Röhrl descreve o Olympia Rally de 1972 como "o rali do século. Depois disto, nada foi igual ao que era antes". Seguiu-se o seu primeiro contrato com a equipa Opel oficial. "Sob a orientação do preparador da Opel, Günter Irmscher, preparei-me para o meu primeiro Rali de Monte Carlo e para uma emocionante temporada de 1973 com o meu novo copiloto Jochen Berger". O bávaro ganhou o Campeonato da Europa de Ralis em 1974 num Opel Ascona A oficial e o título de campeão do mundo de pilotos (pela segunda vez) em 1982 com o Ascona 400.


Na quinta-feira, 11 de agosto, Röhrl irá conduzir de Colónia a Pferdsfeld no Commodore GS/E da Opel Classic. Foi precisamente com um automóvel como este que Röhrl e Berger fizeram a sua estreia com a Irmscher/Opel no Rali de Monte Carlo em 1973. Röhrl irá depois percorrer a segunda etapa de Pferdsfeld num Opel Ascona 400 - um automóvel com o qual celebrou numerosos sucessos, sobretudo a vitória no Rali de Monte Carlo em 1982. O destino do dia é o Speyer "Technik Museum", casa da maior exposição espacial da Europa.

Opel Kadett B
Opel Kadett B
Opel Kadett B
Opel Kadett B

Para além dos clássicos da Opel conduzidos por Walter Röhrl, um Opel Kadett B especial será pilotado no Olympia Rally ’72 Revival por Hermann Tomczyk, presidente da ADAC sport e pelo veterano do esporte a motor, Günther Holzer. Eles também dividirão o volante de um Rallye Kadett que foi conduzido pelos suecos Anders Kulläng e Bruno Berglund na década de 1970.


Por fim, também estará presente um Olympia 1100 SR de 1967. Este exemplar, em particular, conta com o motor 1100 SR com 60 cv. O Olympia 1900, mais potente, podia atingir uma velocidade máxima de 170 km/h, território exclusivo de veículos desportivos na época.

Opel Olympia 1100 SR de 1967
Opel Olympia 1100 SR de 1967


Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio

 

Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito.


Utilize o QR Code


O valor, você escolhe!


Se preferir outra forma de contribuição (cartões), acesse aqui



Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Clássicos entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page