Revista Publiracing

DTM: Glock vence corrida emocionante em Hockenheim

 

Os fãs de DTM vão lembrar-se da segunda corrida da temporada de 2018 DTM por um longo tempo. Na corrida de domingo no Hockenheimring, o vencedor Timo Glock (BMW) e o eventual terceiro colocado Gary Paffett (Mercedes-AMG) lutaram pela liderança durante muitas voltas e montaram um duelo de ponta a ponta, extremamente emocionante mas leal, e com inúmeras trocas de posições. Após o término, os dois se abraçaram, exaustos, mas felizes. Glock comemorou sua quinta vitória na carreira no DTM, Paffett ainda teve que admitir a derrota para Mike Rockenfeller (Audi) na última volta e terminou em terceiro.

 

O vencedor, Timo Glock, em particular, teve motivos para comemorar depois de uma corrida exigente e de destruir os nervos. "Esta foi a corrida mais legal da minha vida", gritou o piloto da BMW em seu rádio depois de cruzar a linha de chegada. "Isso foi corrida pura, isso é o que é típico no DTM. Esta foi a melhor corrida de todos os tempos, e fiz muitas corridas na minha carreira ”, disse Glock mais tarde.

 

Mike Rockenfeller também só teve comentários positivos para a competição na pista. “Esta foi uma corrida louca e uma batalha incrível, no limite. Eu lutei até a última volta e tudo foi totalmente justo. Foi uma alegria inacreditável ”, disse o campeão do DTM de 2013.

 

Gary Paffett também poderia se sentir um vencedor. O britânico tinha saído vencedor da corrida no sábado conseguindo também um ótimo desempenho no dmingo. “Essa realmente foi uma corrida incrível. Eu nunca desisti e apesar de ser apenas o terceiro lugar no final, ainda valeu a pena ”, disse o britânico.

 

O brasileiro Augusto Farfus acabou por ter um desempenho um pouco melhor que ontem, terminando no domingo na décima posição. 

 

Dois suecos chamam a atenção

Atrás do trio da frente, o estreante no DTM, Joel Eriksson, terminou em quarto lugar. Depois de ter começado em terceiro no grid de largada, o sueco parecia estar no bom caminho para o pódio na sua segunda corrida no DTM, mas não conseguiu ultrapassar o Paffett após ataque na última volta.

Outro sueco foi alvo da atenção. Como piloto convidado, Mattias Ekström participou de sua última corrida no DTM. Apenas no 19º lugar, seu foco principal era se despedir dos fãs da categoria de maneira adequada. Depois de 197 corridas de DTM e com lágrimas de emoção, subiu no teto do Audi RS 5 DTM para se despedir do publico. .

 

Depois de duas das 20 corridas desta temporada, Timo Glock lidera a classificação do DTM com 44 pontos, à frente de Gary Paffett (43). Mike Rockenfeller, Lucas Auer e Pascal Wehrlein estão nas posições seguintes, cada um com 18 pontos.

 

Em quinze dias, o DTM terá seu próximo fim de semana da temporada, dias 18 a 20 de maio em Lausitzring.

Please reload

Please reload

Rádio Sore Rodas
Aleph Bank - Abra agora sua conta