Revista Publiracing

De volta ao WRC, Citroën abandona WTCC após três títulos.

A reunião final do FIA WTCC 2016 no Qatar, ficou também marcado pelo fim da vitoriosa história da equipe Citroën na categoria, que em 2017 passa a se dedicar com exclusividade ao WRC.

Em sua despedida Yvan Muller garantiu o segundo lugar na classifivcação do campeonato, atrás de seu companheiro de equipe José María López. Ficam assim para trás três anos de domínio completo na categoria.

 

Os números impressionantes da Citroën no WTCC

31 pole positions (89%): 21 para José María López, 8 para Yvan Muller, e uma para Sébastien Loeb e Mehdi Bennani.

50 vitórias em corridas (72%): 21 para José María López, 11 para Yvan Muller, 6 para Sébastien Loeb, 2 para Ma Qing Hua e Mehdi Bennani, 1 para Tom Chilton.

45 voltas mais rápidas (65%): 26 para José María López, 8 para Yvan Muller, 7 para Sébastien Loeb, 2 para Ma Qing Hua, 1 para Mehdi Bennani e Tom Chilton.

119 pódios (57% do máximo possível): 47 para José María López, 34 para Yvan Muller, 20 para Sébastien Loeb, 8 para Ma Qing Hua, 5 para Mehdi Bennani e Tom Chilton.

3736 pontos marcados no Campeonato do Mundo de Pilotos

3029 pontos marcados no Campeonato Mundial de Fabricantes

Please reload

Please reload

Rádio Sore Rodas