• Redação Publiracing

Stock Car: Campeão Mundial de GT se une ao tricampeão da Stock Car para a Corrida de Duplas


Augusto Farfus fará dupla com Daniel Serra na abertura da temporada 2020 da Stock Car

Se o número de medalhas expressivas no automobilismo mundial fosse uma premissa durante a corrida em duplas que irá inaugurar a temporada 2020 da Stock Car, o carro 29 sairia com certa vantagem competitiva. Isso porque, Daniel Serra, tricampeão da categoria pela equipe Eurofarma e bicampeão das 24h de Le Mans, vai dividir o cockpit do seu Chevrolet Cruze com Augusto Farfus na etapa inaugural. “O Farfus não precisa de muita apresentação, é um piloto que já ganhou quase todas as corridas importantes de GT, um cara que eu sempre admirei muito pelo trabalho, pela performance dele na pista e estou muito feliz em poder dividir o carro com ele”, comenta Serra.


Apenas nos últimos dois anos, o paranaense Augusto Farfus, aos 36 anos venceu as duas últimas edições das 24h de Daytona (2019/2020) e sagrou-se Campeão Mundial de GTs, se tornando o único brasileiro a conquistar esse título. “Muita coisa mudou na minha carreira desde que estive na Stock Car pela última vez”, lembra ele.



Em 2014 e 2016 Farfus participou da Corrida de Duplas da Stock Car ao lado de Barrichello e em 2017 fez estreia solo pela RCM, de Rosinei Campos, o mesmo chefe de equipe que irá comandar a sua volta à categoria. “Só tenho a agradecer a Eurofarma pela chance de poder ajudar o Daniel a buscar um novo título e espero fazer um trabalho à altura do que ele merece”, comenta.


Farfus e Serra se conheceram das pistas em campeonatos mundiais, mas, sempre como adversários. Enquanto Serra defende a escuderia da Ferrari, Augusto é piloto oficial BMW. “A gente acaba se encontrando nas corridas mundo afora, recentemente estivemos na última 24h de Daytona na categoria GTLM, depois, fomos para a Austrália para as 12h de Bathurst, ou seja, estamos nos vendo bastante no último período, mas, correr com o Daniel será algo novo e estou ansioso pelo início dessa etapa. Sem contar que é uma responsabilidade considerando o histórico dele na competição e o fato de ter vencido a última corrida em duplas”, comenta o paraense.


Esse ano, a Vicar, organizadora do evento, dividiu a participação dos convidados em categorias bronze, prata e ouro, de acordo com o tempo em que cada um já esteve envolvido na Stock Car. Augusto Farfus se encaixa na prata, o que significa que ele terá um treino extra de 30 minutos e um de 45 minutos com o piloto oficial.


A carroceria em fibra foi substituída por lata, o que altera a pressão aerodinâmica do carro. Para Augusto Farfus, essa mudança também pode ajudar a equalizar a diferença entre os pilotos convidados e oficiais. “Vai dificultar a vida de todos, porque a quilometragem e experiência nessa nova configuração é limitada, e isso deve dar uma apimentada nessa etapa inaugural”.


A corrida de abertura da temporada 2020 da Stock Car está marcada para o dia 29 de março no Autódromo Internacional de Goiânia.


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Automobilismo entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br