top of page

Siemens Mobility recebe pedido de 70 unidades do Mireo para a ÖBB



Siemens Mobility recebe pedido de 70 unidades do Mireo para a ÖBB

As Ferrovias Federais Austríacas (ÖBB) encomendaram os primeiros 70 comboios do acordo-quadro ganho pela Siemens Mobility no final do verão de 2023. Os trens serão entregues em três versões diferentes a partir do final de 2027.


Projetados para operar em velocidades de até 160 km/h, estas unidades Mireo oferecem inúmeras comodidades aos passageiros, incluindo ar condicionado, serviço WiFi, acesso sem barreiras, tomadas elétricas, porta-esquis e pranchas de snowboard, capacidade para carrinhos e cadeiras de rodas próximos às portas, bem como espaço para bicicletas. Os vagões serão mais largos do que nos trens Mireo da geração anterior. Técnicamente, e pela primeira vez, a Siemens Mobility está projetando os novos comboios com bogies de rolamento interno utilizando um conceito de vagão único.


Michael Peter, CEO da Siemens Mobility: “A Siemens Mobility e a ÖBB desfrutam há muito tempo de uma parceria forte. Estamos especialmente orgulhosos de entregar a plataforma Mireo à ÖBB como um conceito de carro único para a nova frota da empresa. Com suas inúmeras inovações, capacidade operacional transfronteiriça e alto nível de conforto e conveniência para os passageiros, os novos comboios Mireo ajudarão a tornar o transporte local e regional da ÖBB ainda mais atraente”.

O pedido consiste em onze unidades para curtas distâncias de 73 metros de comprimento e 28 trens de 106 metros de comprimento para uso entre diversas regiões federais. Além disso, 31 composições com 106 metros de comprimento serão preparadas para transporte de longa distância dentro dos Alpes completando este primeiro pedido.


O mais moderno Sistema Europeu de Controle de Trem (ETCS) da Siemens Mobility será utilizado para controlar o tráfego. Em conjunto com a infra-estrutura adequada, o sistema permite intervalos de viagens significativamente mais curtos, o que é um factor económico importante em rotas particularmente movimentadas.


A construção leve do Mireo e o consequente baixo consumo de energia, bem como os seus sistemas de ar condicionado com refrigerante natural e bomba de calor, garantem uma maior sustentabilidade. As composições são especialmente ecológicas graças ao seu baixo consumo de energia. As carrocerias dos vagões são de alumínio e uma nova tecnologia de construção leve também é usada para os bogies de rolamento interno.


Know-how austríaco proporciona maior conforto aos passageiros

Os bogies SF7500, que foram desenvolvidos no centro de competência da Siemens Mobility em Graz serão usados nas unidades agora contratadas. Em contraste com as composições Mireo anteriores, nas quais dois vagões compartilham um chamado “bogie Jacobs”, cada vagão ÖBB Mireo tem dois bogies. Vários deles ao longo do trem são movidos por motores de tração de alto desempenho, garantindo uma aceleração perfeitamente equilibrada com maior poder de tração e eficiência energética. Os bogies são projetados de forma a economizar peso e espaço, e o espaço extra ganho é usado para realocar outros componentes abaixo da carroceria dos vagões, melhorando o comportamento dinâmico da composição e permitindo que os passageiros tenham mais espaço no interior das unidades.

Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page