top of page

Fórmula E: Decisão tem 18 pilotos com chances matemáticas de título


Fórmula E: Decisão tem 18 pilotos com chances matemáticas de título

A ABB FIA Fórmula E definirá neste fim de semana em Berlim o campeão da 7ª Temporada com um final de campeonato onde 18 pilotos têm chances matemáticas de serem coroados.


O momento decisivo da série de monopostos 100% elétricos está chegando, com as duas corridas programadas para este fim de semana no Aeroporto Tempelhof, em Berlim.


Um total de 18 pilotos chega à capital alemã com possibilidades matemáticas de alcançar o título, algo que Sam Bird, piloto da Jaguar Racing e um dos principais candidatos à vitória por estar em terceiro lugar, destaca como um fato sem precedentes no automobilismo.


“É a hora da verdade. O que é louco neste fim de semana é que acredito que há uns 16 ou 18 pilotos com chances de ser o campeão mundial no final. Acho que isso é algo que nunca se viu no automobilismo. Neste aspecto, é importante ter um bom fim de semana”, disse o britânico.

“Passamos por muitas ideias diferentes de ajustes e configurações no simulador. Viemos com algumas opções que acreditamos que podem funcionar, o que é ótimo. Esta pista é muito exigente em termos de energia e de temperatura da superfície. Portanto, é muito fácil exigir demais do carro neste circuito. Como piloto, você precisa pilotar com mais calma, não pode atacar completamente”, comentou o piloto nesta quinta-feira, durante os preparativos para a grande decisão.

Nyck de Vries, piloto da Mercedes-EQ Formula E Team, é o líder do campeonato depois de ter feito um fim de semana consistente em Londres, mas minimiza a importância de estar atualmente em primeiro lugar em razão dos altos e baixos vistos na competição ao longo da temporada.

Fórmula E: Decisão tem 18 pilotos com chances matemáticas de título
“Estou ansioso para correr este final da temporada aqui em Berlim. Acho emocionante estarmos chegando ao final da temporada e que no domingo à tarde já tenhamos um campeão. Esse pensamento, por si só, é emocionante. Estamos em uma boa posição, estamos liderando, o que honestamente, não acho que signifique muito. Mas é uma boa colocação e eu realmente espero que possamos manter essa posição e conquistar o campeonato”, declarou o holandês.

Robin Frijns, piloto da Envision Virgin Racing e segundo lugar no campeonato, seis pontos atrás de De Vries, garante que não mudou seu enfoque para o evento em Berlim e que planeja correr da mesma forma como tem feito durante o ano.


“Estou nessa posição de lutar pelo campeonato somente porque tenho feito a mesma coisa durante toda a temporada, então não vou mudar nada. Nem a preparação, nada mudou.”


“Se você olhar para Berlim no ano passado, conquistamos dois segundos lugares, e acho que temos um carro melhor do que no ano passado. Então sem dúvida temos chances, muita gente tem chance, mas o mais importante para nós no sábado é continuar sem problemas. Espero poder marcar alguns pontos e veremos em que posição vamos estar no domingo”, comentou.

No entanto, é claro que o sonho de conquistar o campeonato não pertence apenas aos primeiros colocados na competição. Lucas di Grassi, que está em 14º na classificação, 34 pontos atrás de De Vries, está pronto para dar o seu melhor e tentar alcançar uma consagração heroica.



“A gente chega em Berlim com uma possibilidade real de título. Apesar de estar em 14º no campeonato, a diferença de pontos é pequena para duas corridas”, analisou o brasileiro.
“A gente precisa ter dois resultados bons, então sábado a gente já vai saber se tem chance ou não de vencer, mas viemos para brigar pelo título. Até a última volta da última corrida, se a gente tiver chance matemática a gente vai brigar”, acrescentou.

Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Automobilismo entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page