top of page

Expressas: Stellantis terá três híbridos Flex produzidos no Brasil em 2024


Expressas: Stellantis terá três híbridos Flex produzidos no Brasil em 2024

A plataforma Small Wide que é utilizada no Toro, Renegade, Compass e Commander receberá no Brasil tecnologia híbrida plug-in seguindo o que já acontece em outros mercados globais.


No entanto, o Brasil apresenta a vantagem do híbrido Flex com o propulsor elétrico acoplado a um convencional motor a combustão, que, no caso nacional, tanto pode rodar com gasolina ou etanol.


A Stellantis fez um estudo em que mostrou que um veículo abastecido com etanol emite 25,79 kg de CO2 depois de percorrer 240,49 Km.


No mesmo estudo a Stellantis mostra que na Europa um veículo 100 % elétrico emite os mesmos 25,79 kg de CO2 para a mesma distância e se contabilizadas também as emissões em todo o processo de fabricação e não apenas o que sai do escapamento.


Segundo a Única (União da Indústria de Cana-de-Açúcar e Bioenergia) o uso do etanol evitou a emissão de 620 milhões de toneladas de CO2 para a atmosfera.


 

Com jornalistas nos dois lados do oceano, informamos que nossos textos contêm expressões e palavras utilizadas tanto no Brasil como em Portugal, de acordo com a origem do conteúdo e o mercado principal a que se destinam.


Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio



Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito. Saiba como apoiar aqui


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Expressas entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page