top of page

Europa prevê crescimento de 7,9% para mercado de carros novos em 2022


Europa prevê crescimento de 7,9% para mercado de carros novos em 2022

Apesar de uma base de comparação com recorde negativo devido à pandemia de COVID e todas as suas implicações ao longo os últimos dois anos, com problemas adicionais na logística e pincipalmente a falta de microchips que vem impactando a produção, a expectativa é, no entanto, de que o fornecimento de semicondutores se estabilize em 2022, e com isso a Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis (ACEA) já prevê que os emplacamentos de automóveis de passageiros na UE voltarão a crescer este ano, aumentando 7,9% para atingir 10,5 milhões de unidades.


No entanto, esse crescimento, se confirmado, ainda seria quase 20% abaixo dos níveis de vendas pré-crise de 2019. À luz da Lei Europeia para semicondutores a ser publicada hoje no continente, a ACEA está, portanto, instando a UE a reduzir sua dependência de fornecedores fora da região, especialmente asiáticos, para evitar uma repetição de qualquer tipo de dependência no futuro.


Contra o cenário do ano passado de um mercado de veículos em contração prejudicado por problemas na cadeia de suprimentos, os carros com carregamento elétrico continuaram a ganhar participação geral no mercado, agora representando quase 1 em cada 5 carros novos vendidos na União Europeia.



“O forte desempenho dos carros com carregamento elétrico é uma notícia muito bem-vinda”, afirmou o presidente da ACEA e CEO do BMW Group, Oliver Zipse. “No entanto, não podemos esquecer que este ainda é um mercado bastante frágil, altamente dependente de medidas de apoio como incentivos de compra e, acima de tudo, a ampla disponibilidade de infraestrutura de carregamento.”

Atualmente, o ritmo de implantação da infraestrutura está muito atrasado em relação à demanda do consumidor por carros com carregamento elétrico. De fato, nos últimos cinco anos, as vendas de carros elétricos cresceram quatro vezes mais rápido do que o acúmulo de pontos de carregamento.



“As vendas de carros elétricos aumentaram mais de 10 vezes entre 2017 e 2021, enquanto o número de carregadores públicos na UE cresceu menos de 2,5 vezes no mesmo período”, disse Zipse. “Se esta situação não for urgentemente abordada com a introdução de metas ambiciosas para todos os estados membros da UE, encontraremos um obstáculo muito em breve.”

O Sr. Zipse está soando este alarme enquanto o Parlamento Europeu e os governos nacionais estão em discussões sobre a proposta de Regulamento de Infraestrutura de Combustíveis Alternativos (AFIR). A ACEA quer garantir que a Europa construa uma rede suficientemente densa de infraestrutura de carregamento e reabastecimento para dar suporte ao ritmo acelerado de novos veículos elétricos nas ruas.


 

Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio



 

Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente. Utilize a chave PIX - comercial@revistapubliracing.com.br e seja nosso parceiro - O valor, você escolhe!

Conta Jurídica: (ARTUR JORGE SEMEDO, EDIÇÃO DE JORNAIS E REVISTAS).

Se preferir outra forma de contribuição (cartões), acesse aqui


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Automóveis entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br


コメント


350x250.gif
300.250.png
bottom of page