• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Aviação: Lufthansa Group vai comprar cinco 787 Dreamliners adicionais


Aviação: Lufthansa Group vai comprar cinco 787 Dreamliners adicionais

A Boeing e o Lufthansa Group anunciaram hoje que o grupo de companhias aéreas continuará a modernização de sua frota com um novo pedido de cinco 787-9 Dreamliners. O pedido consolida os esforços do grupo para reduzir a complexidade de sua frota de longa distância e melhorar o desempenho ambiental geral, introduzindo jatos widebody mais econômicos.


“Estamos muito satisfeitos que mais cinco Boeing 787-9s acelerem a modernização de nossa frota de longa distância. Com essas aeronaves ultramodernas e econômicas, enviamos um forte sinal de responsabilidade ambiental dentro do Grupo Lufthansa. Além disso, faremos reduzir nossos custos operacionais e fornecer aos nossos passageiros uma experiência de viagem de última geração ", disse o Dr. Detlef Kayser, Membro do Conselho Executivo da Deutsche Lufthansa AG, Diretor de Operações.


O Grupo Lufthansa fez seu pedido inicial de 20 787-9s em 2019. O novo contrato de compra eleva a carteira de pedidos do grupo para 25 787-9s.


O segundo membro da família Dreamliner widebody, o 787-9 pode transportar até 20% mais passageiros e cerca de 25% mais carga, enquanto reduz o uso de combustível e as emissões em até 25% em comparação com os aviões que substitui. Desde a entrada em serviço em 2011, a eficiência de combustível, flexibilidade e alcance da família 787 permitiram que as companhias aéreas abrissem mais de 300 novas rotas sem escalas e reduzissem as emissões de carbono em 80 bilhões de libras.


Construída com materiais compostos leves e movida por motores avançados e um conjunto de tecnologias amigáveis ​​ao meio ambiente, a família 787 tem uma pegada de ruído no aeroporto que é 60% menor do que a geração anterior de aviões 767, tornando-a ideal para as comunidades de aeroportos do Grupo Lufthansa.


"O Grupo Lufthansa tem navegado em um mercado extremamente desafiador e se posicionando para a recuperação do mercado que virá. Estamos honrados por eles terem escolhido mais uma vez a família de aviões widebody da Boeing para impulsionar sua futura frota", disse Ihssane Mounir, da Boeing vice-presidente sênior de Vendas Comerciais e Marketing. "A eficiência de combustível e o alcance superiores do 787 fornecem ao Grupo Lufthansa a flexibilidade para operar o avião de forma lucrativa em toda a sua rede de rotas."


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Aviação entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br


Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !
Coluna de André Maranhão - Veículos híbridos e eletricos