top of page

Aviação: Cirrus Aircraft apresenta detalhes do jato com sistema de autolanding


Cirrus Aircraft apresenta detalhes do jato com sistema de autolanding

Foi apresentada na semana passada, durante coletiva de imprensa realizada no hangar da Plane Aviation, no Aeroporto de Jundiaí, a aeronave Cirrus Vision SF50 G2 Plus, da Cirrus Aircraft. O jato é considerado um avanço na aviação executiva por oferecer um sistema de inteligência artificial capaz de realizar pouso automático em casos de emergência sem interferência humana.


Durante o evento, o diretor de vendas da Cirrus Aircraft na América Latina, Ulises Mones, e o diretor da Plane Aviation, Sérgio Beneditti, apresentaram detalhes técnicos e diferenciais da aeronave, como a inclusão de Wi-Fi a bordo, o CAPS (Sistema de Paraquedas Cirrus) e o sistema Safe Return de pouso autônomo, criado para casos em que o piloto se incapacite para continuar o voo.



Para acionar o sistema basta o passageiro apertar o botão localizado no teto da cabine. Quando ativado, o Safe Return transforma a aeronave em um veículo autônomo, que se comunica com o controle de tráfego aéreo e utiliza todos os dados disponíveis na aeronave para calcular a melhor rota e opção de pouso, levando em consideração diversos fatores como as condições meteorológicas, os aeroportos mais próximos e os tipos de terreno para pouso.


“Em um voo pela Amazônia, por exemplo, onde os aeroportos são amplamente distantes, a aeronave vai analisar todos esses dados e, se não houver nenhum aeroporto próximo, ela vai concluir o voo de forma autônoma até o seu destino. O sistema Safe Return não necessariamente pousará o avião no local mais próximo, mas sim no mais seguro, levando como base todas as informações que estão à sua disposição por meio de satélites e outros dados para escolher sempre a melhor condição de segurança”, destaca Sérgio Beneditti.

Cirrus Aircraft apresenta detalhes do jato com sistema de autolanding

Para garantir maior tranquilidade aos passageiros, o sistema também oferece atualizações visuais e auditivas como localização atual, combustível restante, aeroporto de chegada e o tempo estimado para chegar ao destino. Caso o Safe Return seja ativado acidentalmente, basta acionar novamente o botão de desconexão do piloto automático para desativá-lo.


Além do sistema de autolanding, o Vision também se destaca pelo Sistema de Paraquedas Cirrus (CAPS). Nesse caso, o acionamento do paraquedas é feito pelo próprio piloto, que avalia a necessidade de uso da tecnologia. Ao acionar o sistema, a aeronave calcula todos os dados para atingir a velocidade ideal para abertura do paraquedas. Essa tecnologia já foi utilizada mais de 200 vezes ao redor do mundo, salvando as vidas dos passageiros em 100% dos casos em outro modelo do mesmo fabricante, o Cirrus SR22.


Atualmente, há uma fila de espera de 400 clientes em todo o mundo que desejam adquirir o Cirrus Vision SF50 G2 Plus, sendo 20 no Brasil. Para dar suporte aos clientes brasileiros, a Cirrus possui um centro de vendas, um centro de treinamento para pilotos, dois centros de distribuição de peças e 26 centros de serviços autorizados pela ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil).



Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio

 

Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito.


Utilize a chave PIX - comercial@revistapubliracing.com.br e seja nosso parceiro -

O valor, você escolhe!


Se preferir outra forma de contribuição (cartões), acesse aqui


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Aviação entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Comments


350x250.gif
300.250.png
bottom of page