• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Aviação: 4 companhias fecham as portas nos EUA e mais 90 mil demissões até final do ano


As companhias aéreas dos EUA deverão dispensar cerca de 90 mil trabalhadores até ao final do ano, estima a associação do sector.


Segundo a Airlines for América, o número de empregos avaliados passará de 460 mil, no início de Março, para 370 mil no final de Dezembro, o que representará uma redução de 20%.


Quando os EUA estão a enfrentar uma nova explosão do número de casos de infeções com o COVID 19 e as autoridades reforçam as medida de restrição, o número de passageiros transportados nos EUA continuou nas últimas semanas inferior em 65% ao registado no mesmo período do ano passado.


Para enfrentar a baixa atividade, as empresas aéreas já recorreram a planos de demissão voluntárias ou antecipação de aposentadorias.

Na Primavera do hemisfério norte, elas tinham-se comprometido a não realizar demissões até 30 de Setembro, em troca de aportes e ajudas públicas de 25 mil milhões de dólares.

Mas sem acordo entre democratas e republicanos sobre o prolongamento destas ajudas financeiras, a United Airlines e a American Airlines já colocaram em desemprego técnico 32 mil pessoas em Outubro.


Quatro empresas de dimensão menor – Compass Airlines, ExpressJet, RavnAir Group e Trans States Airlines – já fecharam as portas, avançou na quinta-feira a Airlines for América, num documento onde é feito um levantamento dos efeitos da pandemia de Covid-19 no sector.


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção Aviação entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br


Laja Revista Publiracing
Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !