top of page

Alstom ganha contrato em Israel para projeto, construção e manutenção de sistema VLT em Tel Aviv


Alstom ganha contrato em Israel para projeto, construção e manutenção de sistema VLT em Tel Aviv

A Alstom, membro do TMT Consortium (TLV Metropolitan Tramway Ltd.) e seus parceiros Electra Ltd. & Dan Transportation, receberam um contrato para projetar, construir, manter e financiar a Linha Verde Metropolitana de Tel Aviv LRT pela Metropolitan Mass Transit System Ltd (NTA). O projeto está avaliado em 2,6 bilhões de euros e a participação da Alstom está avaliada em 858 milhões de euros.


A responsabilidade da Alstom inclui o projeto, engenharia, fornecimento, integração, teste e comissionamento do sistema ferroviário, incluindo trilhos, eletrificação, fornecimento de energia (Hesop, sistema de economia de energia), sinalização, sistema de comunicação e fornecimento de 98 bondes Citadis XO5. A Electra gerenciará o projeto e a construção das obras civis. A manutenção do sistema será realizada por uma joint venture composta pela Dan Transportation, Electra e Alstom.



“Estamos entusiasmados e gratos pela oportunidade de apoiar a NTA no desenvolvimento da rede urbana da cidade e atender centenas de milhares de moradores todos os dias. Acreditamos que o acesso ao transporte é um fator essencial para promover e potencializar o progresso social e econômico. Todos se beneficiam de um melhor acesso ao transporte público, tempos de deslocamento reduzidos, menos congestionamento e emissões de carbono mais baixas. A Alstom e nossos parceiros Dan Transportation e Electra Ltd. acreditam que este projeto contribuirá para o crescimento do ecossistema ferroviário no país e apoiará a criação de centenas de novos empregos”, disse Eran Cohen, diretor administrativo da Alstom Israel.

Alstom ganha contrato em Israel para projeto, construção e manutenção de sistema VLT em Tel Aviv

Os bondes funcionarão em unidades duplas, de 34 metros cada, com piso rebaixado completo. Os bondes Citadis Xo5 serão projetados e fabricados no centro de desenvolvimento da Alstom para bondes Citadis em La Rochelle. Com diversas unidades envolvidas na montagem dos novos trens, as plantas francesas envolvidas são Le Creusot para truques, Ornans para motores e Villeurbanne para sistemas de informação de passageiros. Além disso, as instalações da Alstom em Fez no Marrocos fornecerão chicotes, armários elétricos e a planta belga em Charleroi fornecerá energia eletrônica com um novo Conversor Auxiliar e Tração Integrado em 1500 v e o sistema de economia de energia Hesop.



Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio

 

Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito.


Utilize a chave PIX - comercial@revistapubliracing.com.br e seja nosso parceiro -

O valor, você escolhe!


Se preferir outra forma de contribuição (cartões), acesse aqui


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Ferrovia entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Kommentare


350x250.gif
300.250.png
bottom of page