top of page

50% dos portugueses afirmam que o seu próximo carro será híbrido ou eléctrico


50% dos portugueses afirmam que o seu próximo carro será híbrido ou eléctrico

Estudo da ACAP (Associação Automóvel de Portugal) revela as megatendências do sector e integra dados que resultaram de uma pesquisa realizada junto aos clientes nas concessionárias de veículos no país europeu.


Um em cada dois consumidores afirma que o seu próximo carro será híbrido ou eléctrico. Já nove em cada 10 estão dispostos a pagar, no máximo, 35 mil euros por um veículo com esta propulsão. A totalidade dos consumidores incluídos na amostra, por sua vez, está disposta a pagar um acréscimo de preço para poder usufruir de tecnologia adicional (conectividade, condução autónoma e entretenimento).


Estas são apenas algumas das conclusões que integram o estudo “As redes de varejo automóvel em Portugal – O presente e o futuro do setor", que a ACAP – Associação Automóvel de Portugal apresentou hoje, 26 de Maio, em Lisboa.



Os dados, obtidos no âmbito de uma pesquisa realizado junto dos consumidores portugueses –foi elaborado por uma equipa de investigadores do ISEG – Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade de Lisboa –, e revelam que a aposta em soluções de mobilidade mais verde e tecnológicas são cada vez mais uma tendência à qual as marcas e concessionárias não poderão ficar indiferentes.


Ainda relativamente à tendência de eletrificação, os dados do estudo revelam que, num cenário mais favorável, em 2025 o número de veículos híbridos e elétricos já deverá representar 12,6 por cento dos modelos nas ruas do país luso.


Apesar da tendência crescente, e de os veículos híbridos e eléctricos representarem mais de 50 por cento das vendas de novos veículos ligeiros de passageiros em 2025, a substituição do parque automóvel deverá ser lenta. Refira-se, aqui, que as vendas anuais rondam as 200 mil unidades, mas a dimensão do parque já ultrapassa os 5,2 milhões de viaturas.



Neste ponto, é importante focar que a idade média dos veículos ligeiros de passageiros em Portugal, já em 2020 se situava em 12,8 anos, muito acima dos números da média europeia ou da Áustria e Reino Unido (que ronda os oito anos).


Mudança de paradigma inverte estratégia das marcas no digital

No que se refere às principais tendências futuras do consumidor português na aquisição e utilização dos produtos e serviços disponibilizados pelas marcas, as conclusões revelam que 60 por cento dos inquiridos está a considerar comprar um veículo nos próximos cinco anos e que, no processo de compra, 40 por cento aposta numa combinação online/presencial. Já a maioria, 60 por cento, refere que prefere comprar virtualmente a ter que ir até uma concessionária autorizada. Já 30 por cento diz ir diretamente no site do fabricante. A expressão crescente da digitalização neste setor já está a alterar o modelo de funcionamento das marcas em Portugal, que revelam, nesta pesquisa, a intenção de investir na digitalização dos processos, em lojas online e, também, em novos conceitos do varejo.

O estudo mostra a necessidade de investir numa mudança de paradigma na forma como estão estruturadas as concessionárias, quer na formação dos seus recursos humanos, que terão de estar preparados para dar resposta às megatendências do sector automóvel para 2025, que colocam em destaque a conectividade e a digitalização, a eletrificação, a mobilidade, a transformação ágil e o foco no cliente.



Visite nossa Plataforma de Compra e Venda de Veículos e tenha atendimento com especialistas que vão ajudar você a realizar o melhor negócio

 

Gostou da matéria? – Saiba que a sua contribuição é muito importante para a realização do nosso trabalho de jornalismo independente e totalmente gratuito.


Utilize a chave PIX - comercial@revistapubliracing.com.br e seja nosso parceiro -

O valor, você escolhe!


Se preferir outra forma de contribuição (cartões), acesse aqui


Para publicidade, apoio ou parcerias na seção #Automóveis entre em contato através do e-mail: publicidade@revistapubliracing.com.br

Commenti


350x250.gif
300.250.png
bottom of page