• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Fórmula E: Nissan prepara estreia como primeira montadora japonesa a participar na categoria


A equipe Nissan e.dams está se preparando para dar a largada na competição 100% elétrica de rua, na 5ª temporada do campeonato ABB FIA de Fórmula E, que começa nesta semana.

O suíço Sébastien Buemi – que detém um título de pilotos na categoria – e o recém-contratado companheiro de equipe Olivier Rowland vão pilotar no circuito de rua com 21 voltas que se estende por 2,495 km em Ad Diriyah, perto de Riade, a capital da Arábia Saudita.

A corrida do próximo fim de semana é a primeira das 13 provas programadas para acontecer em pouco mais de dez grandes metrópoles mundiais. Em sua condição de campeã mundial na venda de carros elétricos e primeira montadora japonesa a participar da Fórmula E, a Nissan vai usar o campeonato para mostrar o lado da performance da Mobilidade Inteligente da Nissan.

A Nissan vai competir com outras dez equipes durante a 5ª temporada (2018/2019), que começa com grandes mudanças no campeonato de Fórmula E. Nesta temporada serão utilizados os novíssimos carros de Fórmula E de segunda geração ("Gen. 2"), que trazem novos chassis e baterias, além de uma nova aerodinâmica. Os carros oferecem muito mais autonomia, eliminando a necessidade de trocar de carro no meio da prova, como nas temporadas anteriores.

Com novo formato, as corridas terão uma duração de 45 minutos (com uma volta a mais), além de um "modo ataque" ("attack mode"). Os pilotos poderão utilizar 25 kW a mais de potência quando cruzarem uma zona de ativação, que estará claramente visível e demarcada na pista, podendo ser vista tanto pelos fãs que estiverem ao redor do circuito como pelo público que estiver assistindo pela TV

A Nissan usou seus anos de experiência no desenvolvimento e produção do Nissan LEAF – o carro elétrico mais vendido do mundo – para criar um novo powertrain para seu bólido de Fórmula E, incluindo novos motor elétrico, inversor, câmbio e software. O carro elétrico de corrida deu sua primeira volta de demonstração mundial no dia 2 de dezembro, durante o Festival NISMO, organizado no circuito Fuji International Speedway, no Japão, seguido de um evento de lançamento no dia 30 de novembro, em Tóquio.

"Foram necessários anos de planejamento e meses de preparo intenso, mas agora estamos prontos para dar a largada na Fórmula E", comentou Michael Carcamo, diretor global de competições a motor na Nissan. "Contamos com nossa experiência como líder mundial em veículos elétricos de produção em série para desenvolver nosso motor de Fórmula E – e o que estamos aprendendo agora nas pistas vai ser aplicado de volta em nossos modelos, beneficiando os clientes de carros elétricos da Nissan".

"Com apenas um carro por piloto para toda a corrida, a quinta temporada está iniciando um novo capítulo no Campeonato ABB FIA de Fórmula E", comentou Jean-Paul Driot, diretor da equipe Nissan e.dams. "A nova parceria na Nissan e.dams, o novo motor e o novo chassi trazem ainda mais pressão para os desafios já existentes, mas isso é extremamente motivador para a equipe, os pilotos e a Nissan".

Os carros vão estar na pista pela primeira vez no dia 14 de dezembro, quando acontecem os primeiros treinos preparatórios às 14h30 em horário local. O formato compacto da corrida de Fórmula E prevê treinos simples, treinos classificatórios e corrida no mesmo dia (sábado 15). A largada está prevista para às 15h05, horário local.

Sébastien Buemi

"Estamos confiantes na forte performance da equipe Nissan e.dams, mas está sendo difícil de conter nossa expectativa em relação à primeira corrida".

"Não sabemos exatamente qual é a nossa condição, mas como piloto sempre desejo vencer. Vamos ver como vamos nos sair depois dos treinos classificatórios. O objetivo é definitivamente lutar pelo melhor resultado possível".

"A melhor forma para conhecermos os circuitos é usando nosso simulador. Normalmente passo dois dias nele, na segunda e terça-feira que antecedem cada prova. Depois, viajo para o local da corrida na quarta e tenho dois dias inteiros para me acostumar ao novo traçado".

"Com os novos simuladores, consigo ter boas referências mesmo antes de começar a pilotar no novo circuito. Já sei, por exemplo, a que velocidade posso fazer as curvas e onde posso frear, além de toda a gestão da energia. Tudo é feito basicamente no simulador e está perfeitamente alinhado tecnicamente".

Oliver Rowland

"Estou incrivelmente empolgado e orgulhoso por fazer parte da família Nissan e.dams."

"Não vejo a hora de enfrentar os novos desafios que terei na Fórmula E. Acho que os carros e pilotos constituem grandes desafios para mim, mas estou pronto. Pronto para entrar de cabeça e enfrentá-los – vamos ver como vou me sair".

"Tenho acompanhado vários desses caras na Fórmula E fazendo coisas incríveis nestes últimos anos e estou bem animado para estar lá brigando com eles".

"Tive uma carreira bem-sucedida nas categorias que servem de trampolim para o campeonato, como a Fórmula Renault, o campeonato World Series by Renault e a Fórmula 2, e sempre briguei pelo título. Agora, a Nissan e.dams está me dando esta fantástica oportunidade na Fórmula E. Estou pronto para o desafio".

Circuito de Rua do EPrix de Ad Diriyah

Comprimento: 2,495 km

Número de voltas: 21

Programação (Horário de Brasília)

Sexta-feira, 14 de dezembro

14:30 - 15:00: Primeiro treino preparatório

Sábado, 15 de dezembro

07:00 - 07:45: Treino livre 1

09:05 - 09:35: Treino livre 2

10:50 - 11:26: Treino classificatório

11:35 - 11:55: Super pole

15:05: Corrida (45 min + 1 volta)

#FÓRMULAE #AUTOMOBILISMO

Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !