• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Com autonomia de 7.700 milhas náuticas, Global 7000 da Bombardier continua programa de testes


A Bombardier anunciou que seu novo jato executivo Global 7000, vem completando vários voos de longo alcance ao redor do mundo, possuindo agora uma autonomia anunciada de 7.700 milhas náuticas, podendo conectar mais cidades ao redor do mundo.

"Estamos entusiasmados em oferecer este alcance estendido aos nossos clientes fiéis, que são a força motriz por trás das nossas proezas de engenharia e que em breve possuirão uma aeronave que simplesmente não tem pare", disse David Coleal, presidente da Bombardier Business Aircraft. "Não estamos apenas indo de encontro ao nosso compromisso de começar a entregar as aeronaves Global 7000 este ano, como estamos excedendo as expectativas ao longo do caminho."

As aeronaves de teste Global 7000 completaram vários voos de longo curso para destinos como Sydney, Dubai e Havaí, e segundo a fabricante se propõe a ser não só o jato executivo mais espaçoso, como o de maior alcance já construído. Ele está em vias de entrar em operação, previsto para o segundo semestre de 2018. O programa de testes de voo iniciado em novembro de 2016 está progredindo segundo o planejamento, sendo utilizados cinco aeronaves que já completaram mais de 1800 horas de testes.

A aeronave foi amplamente divulgada como sendo capaz de conectar alguns dos pares mais expansivos do mundo, incluindo rotas como Nova York a Xangai e Cingapura a Seattle. Hoje, a Bombardier pode confirmar que o Global 7000 é a única aeronave executiva que pode conectar Nova York a Hong Kong e Cingapura a São Francisco. *

Apenas cinco meses de testes, esta aeronave de alta velocidade estabeleceu um recorde como o maior jato executivo a operar tão perto da barreira do som, atingindo uma velocidade máxima de Mach 0.995.

#BOMBARDIER #GLOBAL7000 #AVIAÇÃO

Laja Revista Publiracing