• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

CPTM recebeu mais um novo trem e lança WhatsApp para receber notificações dos usuários


A partir desta semana, os usuários contam também com o WhatsApp, a mídia mais utilizada pelos brasileiros, para enviar informações à CPTM. O número 99767-7030 ficará disponível 24h para receber mensagens, vídeos e fotos com assuntos referentes ao sistema ferroviário. A equipe receberá essas mensagens e encaminhará à área responsável para providências.

Os usuários continuam com os demais canais de comunicação à disposição, como o chat on-line Conexão CPTM, as redes sociais (Twitter​ e Facebook), o telefone 0800-055-121 (24 horas), o Disk Denúncia pelo celular 97150-4949, além do formulário eletrônico que também está disponível na Página Atendimento ao Usuário​.

A CPTM recebeu também o 36º novo trem do lote de 65 adquiridos. A composição da série 8.500, fabricada pela CAF, entrará em operação na Linha 7-Rubi (Luz – Jundiaí), que conta agora com 21 trens novos.

Com mais essa entrega, a CPTM dá continuidade ao processo de padronização da frota de todas as linhas, readequando as séries de trens de acordo com a necessidade operacional. O objetivo é oferecer trens modernos e com ar condicionado, proporcionando mais conforto aos usuários. A previsão é que outras 29 unidades entrem em operação ao longo deste ano.

A Linha 7-Rubi é a maior da CPTM, com 60,5 quilômetros de extensão. O trecho com maior demanda vai de Luz a Francisco Morato, com cerca de 420 mil passageiros transportados por dia útil. Já entre Francisco Morato e Jundiaí, são cerca de 33 mil usuários por dia.

Os trens possuem salão contínuo de passageiros (passagem livre entre os carros), monitoramento com câmeras na parte externa e interna e são acessíveis para pessoas com mobilidade reduzida ou deficiência (contam com sinalização visual para identificação de assentos preferenciais, mapa dinâmico e áudio, além de espaço para cadeirantes). Também dispõem de monitores digitais internos com informações e interação das principais notícias sobre a prestação de serviços, além de reconhecimento eletrônico automático do maquinista por meio de biometria.

Ao longo dos próximos meses, os demais trens serão entregues e entrarão em operação, após a realização de testes que são feitos nos sistemas elétricos, mecânicos e de sinalização. Dependendo das necessidades de ajustes que surgirem e do tempo de solução por parte do fabricante, os testes podem ser prolongados. As novas composições serão incorporadas para a renovação da frota de acordo com a necessidade operacional de cada linha.

#CPTM #TRENS #FERROVIA #TRANSPORTE #MOBILIDADE

Laja Revista Publiracing