• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing
729X90.gif

Mocidade Alegre e Mancha Verde mostraram o que está por vir no grande desfile de Carnaval Paulistano


A Liga SP, responsável pela administração e organização dos desfiles das escolas de samba da cidade de São Paulo, agitou a noite desta sexta-feira (12 de janeiro), com mais ensaios técnicos da Mocidade Alegre e Mancha Verde realizados no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo.

A Mocidade Alegre foi a primeira escola de samba a envolver o público no clima de carnaval com a homenagem à cantora Alcione com o enredo "A Voz Marrom que Não Deixa o Samba Morrer", composto por Biro Biro, Gui Cruz, Imperial, Luciano Rosa, Portuga, Rafael Falanga, Rodrigo Minuetto e Vitor Gabriel, e entonação de Tiganá e Ito Melodia.

A presidente da escola Solange Cruz Bichara Rezende acompanhou o ensaio técnico bem emocionada com o envolvimento dos 2 mil componentes e da Rainha de Bateria Aline Oliveira, e contou que a agremiação está superpreparada para o grande campeonato.

A segunda agremiação que entrou na pista foi a Mancha Verde, envolvida por seus 1.200 mil componentes, da Rainha Mirim Maria Eduarda, e das musas Ariane Venâncio e da Gabi Viviana que comentou que este ensaio “vem firmar o trabalho que sendo feito dentro da comunidade” para o grande desfile com o enredo “A amizade. A Mancha agradece do fundo do nosso quintal", dos compositores Sereno, Marcelo Casa Nossa, Darlan Alves, R Silva, R Minuetto, Vitor Gabriel e Gui Cruz, e sob liderança vocal de Fredy Vianna.

O atual presidente da agremiação, Paulo Serdan, revelou que “a Liga SP está disponibilizando uma estrutura muito boa, e estes ensaios servem exatamente para colocarmos em prática tudo o que fizemos ao longo do ano inteiro”.

Crédito das Fotos: Marcelo Messina/Liga SP

#TURISMO #LAZER #CARNAVAL

Laja Revista Publiracing
Planos.jpg
Reserve seu espaço