• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

América do Norte liderou o volume de entregas de aeronaves da Aviação Geral no primeiro semestre de


No último relatório semestral divulgado em 15 de agosto, pela Associação de Fabricantes de Aviação Geral – GAMA (sigla em Inglês) – foi registrado um aumento de 2,7% de aeronaves entregues nos primeiros seis meses de 2017 comparado com o mesmo período de 2016. Um total de 995 entregas, entre aeronaves convencionais, turboélices e jatos, no valor de US$ 9 bilhões, comparado com 969 aeronaves, somando US$ 9,4 bilhões no mesmo período do último ano. Mesmo com o aumento no número de aeronaves entregues no primeiro semestre de 2017 em relação a 2016 o valor somado foi menor em 2017 devido à entrega de modelos de aeronaves de menor valor.

As aeronaves convencionais registraram um aumento de 5,6%, tendo entregado 468 unidades até junho de 2017, contra 443 nos seis primeiros meses de 2016.

Sobre os helicópteros, as entregas no período apresentaram um aumento significativo, de 16,8% somando um valor de US$ 1,8 bilhão com 465 entregas contra 398 no valor de US$ 1,5 bilhão no primeiro semestre de 2016.

A América do Norte liderou o volume de entregas, puxada principalmente pelos EUA, com a volta do aquecimento da economia Americana, a qual apresentou alta no PIB pelo quinto trimestre consecutivo. A Europa vem em seguida em número de entregas no período, porém apresentou uma queda de 3,2% comparada com o mesmo período de 2016. A América Latina apresentou a maior queda, com 44% em relação ao mesmo período do ano anterior. O Brasil, com a segunda maior frota de aviação geral do mundo, tem papel importante nessa queda, evidenciado pelo impacto da insegurança geopolítica e econômica no país.

#AVIAÇÃO

Laja Revista Publiracing