• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Pedro Piquet vence novamente na Toyota Racing Series


O brasiliense venceu mais uma vez, ampliou sua sequência de resultados entre os cinco primeiros, para dez corridas consecutivas na temporada e, de quebra, reduziu de 51 para 31 pontos sua distância para o líder. Na jornada final, no próximo fim de semana em Manfeild, estarão em jogo os últimos 225 pontos do ano. Piquet é terceiro no campeonato, 4 pontos atrás do vice-líder.

Na primeira prova da penúltima rodada tripla, o piloto de 18 anos de idade largou em quarto e terminou em quinto.

Para a segunda corrida, saiu por fora na primeira fila e trabalhou bem na largada para assumir a dianteira e conduzir até o final. “Foi uma corrida muito boa. O objetivo claro era ter uma largada boa e ir para primeiro. Mas nesses carros é muito difícil conquistar vantagem na largada, porque eles não têm muito torque e o pneu quase não patina. Então quando larga no lado sujo da pista tem uma chance de largar até melhor, porque patina um pouco o pneu, o que nem sempre acontece no lado bom (o motor não tem tanta força para empurrar o carro, e o RPM baixa muito). Mas deu tudo certo, consegui ficar em primeiro, à frente do cara que está liderando o campeonato”, contou Pedro. Foi sua segunda vitória em 2017 e a quarta na carreira pela Toyota Racing Series.

Na prova de encerramento da etapa novamente ele teve êxito largando do lado sujo: avançou de sexto no grid para quarto. E partiu rápido em busca de um lugar no pódio.

“Passei o líder do campeonato e estava para passar o terceiro, que é meu companheiro de equipe até. Mas ele falou que não me viu e acabou dando uma fechada, o que me obrigou a colocar uma roda fora da pista. Aí o que estava atrás de mim se aproveitou e acabou me passando. E fomos assim até o final”, disse o piloto.

Pelo segundo fim de semana consecutivo, Piquet foi o maior pontuador entre os três principais postulantes ao título: além dele, o australiano Thomas Randle e o holandês Robert Verschoor.

“Acho que foi bom. Foi mais um fim de semana positivo. Com 31 pontos atrás do líder e quase empatado com o segundo acho que temos uma chance boa na etapa final. Vamos ver o que acontece semana que vem. Estou confiante.”

Piquet tem nesta edição da Toyota Racing Series sua temporada mais consistente desde a performance que lhe rendeu o bicampeonato da F3 Brasil em 2015: ele foi sexto na primeira das 15 corridas do ano e venceu a segunda (mas acabou punido com 30s, finalizando oficialmente como 17o); desde então figurou no top5 em todas as corridas do ano.

O campeonato será decidido em Manfeild, no próximo fim de semana.

Toyota Racing Series – Campeonato (top 10):

1. T. Randle, 692;

2. R. Verschoor, 665;

3. P. Piquet, 661;

4. M. Armstrong, 598;

5. J. Daruvala, 597;

6. E. Ahmed, 496;

7. B. Leitch, 463;

8. T. Cockerton, 450;

9. K. Laliberte, 443;

10. F. Habsburg, 422.

#TOYOTARACINGSERIES #AUTOMOBILISMO

Laja Revista Publiracing