• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Consulado Geral de Portugal em São Paulo apresenta exposição gratuita sobre a cantora Amália Rodrigu


Está em cartaz no Consulado Geral de Portugal em São Paulo, pela última semana, a exposição Amália: Saudades do Brasil, que contará a relação da renomada cantora de fado portuguesa Amália Rodrigues com o Brasil, a importância do país na construção de sua presença no mundo e a influência que a artista teve e continua a ter nas novas gerações de criadores, não só na área da música, mas também nas artes visuais.

A exposição apresenta, entre outros, os cartazes da estreia de Amália no Casino de Copacabana, em 1944, as partituras de Ai Mouraria, fado criado no Brasil para a sua voz, inúmeros registos inéditos de som e imagem e obras dos artistas contemporâneos Vik Muniz e Francesco Vezzolli inspiradas na diva do fado.

A atração ficará no Consulado até o dia 27 de agosto, na Sala Fernando Pessoa, de forma gratuita ao público, de segunda a sábado, das 10 às 18h.

O projeto artístico Amália: Saudades do Brasil surge num contexto de grande interesse pela cultura portuguesa e, especialmente, pelo fado. O título da exposição remete para um fado que Vinícius de Moraes escreveu para Amália e que gravou na casa da artista em Lisboa, num encontro memorável.

“Ao acolher a exposição Amália: Saudades do Brasil, o Consulado Geral de Portugal em São Paulo procura assinalar o fecundo percurso no Brasil daquela que continua a ser a grande referência do fado e sua musa inspiradora. Das amizades com Dorival Caymmi e Vinicius de Moraes às suas gravações de cancioneiro brasileiro, passando pelos poemas de Cecília Meireles, Amália viveu no Brasil e viveu o Brasil, amando instintivamente a sua cultura e música, onde pressentiu a mesma alma do fado, essa que as suas canções imortalizariam”, diz Paulo Lourenço, cônsul geral de Portugal em São Paulo.

#EXPOSIÇÃO #LAZER

Laja Revista Publiracing