• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Tecnologia de carga rápida da empresa ABB, permite Ônibus livres de emissões em Genebra


A ABB recebeu pedidos que totalizam mais de $16 milhões da Transports Publics Genevois (TPG), a operadora de transporte público de Genebra, e do fabricante suíço de ônibus HESS, a fim de fornecer carga rápida e tecnologia embarcada em veículos elétricos para 12 ônibus totalmente elétricos (e-buses), modelo TOSA (Trolleybus Optimisation Système Alimentation), que conectam o aeroporto ao subúrbio de Genebra pela linha 23. Comparados aos ônibus a Diesel já existentes, os e-buses podem ajudar a evitar a emissão de até 1.000 toneladas de dióxido de carbono ao ano.

ABB irá entregar e colocar em operação 13 estações de carga rápida ao longo da rota dos ônibus urbanos, bem como três terminais e quatro estações de carga em garagens. Esta será a tecnologia de conexão para carga instantânea mais rápida do mundo, levando menos de 1 segundo para conectar o ônibus ao ponto de carga. As baterias dos ônibus podem ser carregadas em 15 segundos com uma carga de 600 quilowatts durante a parada. Uma carga adicional de 4 a 5 minutos no ponto final permite a recarga total das baterias. Essa tecnologia inovadora foi desenvolvida pelos engenheiros da ABB na Suíça.

“Estamos orgulhosos dessa tecnologia de ponta para apoiar a visão da Genebra de um transporte urbano de massa silencioso e com zero emissões para a cidade. Ela proporciona um modelo para o futuro transporte urbano e reforça nossa visão de mobilidade sustentável para um mundo melhor”, disse Cláudio Facchin, Presidente da divisão Power Grids da ABB. “Como parte de nossa estratégia Next Level, temos um compromisso com o desenvolvimento de soluções e tecnologias com foco no cliente para ajudar na redução dos impactos ambientais. ”

ABB fornece diversas tecnologias para dar suporte a aplicações em mobilidade, incluindo ferrovias, metrôs, ônibus e carros elétricos. Transportes e infraestrutura são um dos três grupos de clientes atendidos pela ABB junto com concessionárias e indústrias, e a mobilidade sustentável é uma área chave da estratégia Next Level da ABB.

A decisão de implantar os TOSAs veio após o bem-sucedido piloto desse tipo de e-bus na rota do aeroporto de Genebra ao centro de exibições Palexpo. Concluído o comissionamento completo em 2018, os ônibus articulados de alta capacidade sairão dos dois terminais em intervalos de 10 minutos nos horários de pico. A linha transporta mais de 10.000 passageiros por dia e a substituição dos ônibus a Diesel pelos modelos de e-buses TOSA reduz o ruído e as emissões de gases de efeito estufa.

Como parte de um contrato separado junto à HESS, a ABB fornecerá 12 soluções de sistemas de transmissão flexível para os ônibus, incluindo conversores de tração e auxiliares integrados, unidades de baterias montadas no teto e sistemas de transferência de energia (ETS), bem como motores de tração do tipo ímã permanente. Ambos os contratos incluem acordos de manutenção corretiva e preventiva de cinco anos para garantir confiabilidade operacional, eficiência e segurança.

"O uso do TOSA na Linha 23 é o resultado da colaboração entre os parceiros dos setores público e privado que investiram nessa visão. Este projeto inovador abre as portas para o futuro da mobilidade ao proporcionar uma solução de transporte de massas sustentável e amiga do ambiente para o bem-estar da comunidade," disse Luc Barthassat, Conselheiro Estadual de Genebra para Transporte e Meio Ambiente.

Genebra é uma das cidades líderes do mundo, reconhecida como centro global de diplomacia, polo financeiro e centro de tecnologia e inovação. Também é um destino turístico popular com alta qualidade de vida. Ela sedia a maior quantidade de organizações internacionais do mundo, incluindo as sedes globais de instituições como as Nações Unidas e a Cruz Vermelha.

ABB está celebrando 125 anos de história na Suíça e está ativamente envolvida no setor de transportes, incluindo o ferroviário. Como exemplo recente, as tecnologias da ABB agora ajudam a alimentar e ventilar o recém comissionado túnel de 57km de Gotthard através dos Alpes – o mais longo túnel ferroviário do mundo.

#ÔNIBUS

Laja Revista Publiracing