• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

DTM: Após ser tocado por diversas vezes, Félix da Costa “solta o verbo”


Uma sequência de toques e batidas mais fortes forçaram o abandono de António Félix da Costa na segunda corrida do fim-de-semana no DTM, disputada hoje no Norisring, Alemanha.

Mais uma vez o português vinha realizando uma boa prova, já era 9º após conseguir a 11ª posição no grid, quando após a troca de pneus obrigatória, Christian Vietoris fez com que o piloto português rodasse, caindo para a 16.ª posição e ficando com a frente do seu carro danificada.

Logo de seguida foi Jamie Green a bater forte na lateral do carro de AFC e algumas voltas mais tarde António Félix da Costa volta a ser abalroado, desta feita por Daniel Juncadella, em batida que acabaria por ditar seu o abandono.

Uma sequência de toques injustificáveis num campeonato com este nível, assim desabafou o piloto: "Uma vez mais acabei por ser prejudicado com toques de outros adversários que não são admissíveis. Dois deles acabaram não só com a minha corrida, mas também com a deles (Green e Juncadella), pelo que é óbvio que estou desapontado. Estava com bom ritmo, sempre ao ataque e a ganhar posições, para ser obrigado a abandonar com o carro distruido”, referiu o piloto da Team Schnitzer no final da corrida.

A vitória da segunda corrida do DTM em Norisring foi de Nico Muller (Audi), seguido de Tom Blomqvist (BMW) e Maxime Martin (BMW), na segunda e terceira posições, respectivamente.

#AUTOMOBILISMO #DTM #ANTONIOFELIXDACOSTA

Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !