• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Blancpain GT Series: Audi de Rodrigo Batista conquista fantástico pódio em Paul Ricard


Rodrigo Baptista subiu ao pódio pela primeira vez no Blancpain GT Series. Fazendo equipe com seu habitual parceiro Felipe Albuquerque e o dinamarquês Jan Magnussen, a equipe largou de 20º nos 1000 km de Paul Ricard, na França, e após seis horas de corrida e intensas disputas com 57 carros no grid o Audi #3 chegou em terceiro, deixando muito feliz o jovem piloto brasileiro de apenas 19 anos.

Após 166 voltas a vitória ficou com a McLaren #58 e o segundo lugar com a Ferrari #50.

O resultado rendeu ainda os primeiros pontos de Rodrigo no campeonato -19 no total, pois a segunda prova mais longa do calendário distribui pontuação mais farta que as provas de 3 horas.

O brasileiro pegou o carro já na 13ª posição no fim da primeira hora de corrida, que teve Magnussen ao volante. Baptista pilotou nos dois stints seguintes, chegou a estar entre os dez primeiros, e entregou o carro na metade das seis horas de prova em 11º, para Magnussen –que nesta etapa substituiu Sergio Jimenez na equipe do carro preparado pela equipe WRT, a atual campeã do principal evento de Gran Turismo do planeta .

A paciência do trio e ritmo constante do Audi R8 LMS de 585 HP permitiram ao veterano piloto dinamarquês chegar ao sétimo lugar, graças a ultrapassagens e punições a outros pilotos.

Já à noite, Filipe Albuquerque pegou o carro nas duas últimas horas. Enquanto outros carros iam diminuindo o ritmo, o experiente e rápido português manteve chegou ao Top 5 faltando 1h30 de prova.

Com uma ultrapassagem e o incêndio nos boxes durante o pit stop do Bentley #8, então líder da prova, o Audi #3 chegou a terceiro. O espanhol Andy Soucek ainda pressionou na volta à pista com o Bentley, mas Albuquerque garantiu o pódio do trio com 10 segundos de vantagem.

“Foi sensacional! Meu primeiro pódio aqui. Foi uma prova de recuperação, saindo de vigésimo”, resumiu o piloto paulista de 19 anos de idade, que é o mais jovem vencedor da Copa Petrobras de Marcas.

“O quali foi meio complicado, mas a gente sabe que o carro é bom para a corrida. Então conseguimos ser consistentes e ganhar muitas posições. A sorte, que faltou em outras etapas, hoje também esteve um pouco do nosso lado. Fizemos um trabalho muito bom nos pits e na pista. Hoje deu tudo certo e o pódio foi a recompensa”, frisou Baptista.

O próximo desafio da equipe, que terá de volta o companheiro Sérgio Jimenez após conflito de datas com a Stock Car, será no próximo fim de semana, com a rodada de Nürburgring (Alemanha) pela categoria Sprint do Blancpain GT Series.

Mesmo do outro lado do Atlântico, Jimenez não desgrudou o olho do computador. Finalizada a tomada de tempo para a prova de Tarumã, o piloto de Piedade (SP) acompanhou as horas finais dos 1000 km de Paul Ricard, última prova preparatória para as 24 Horas de Spa, o principal evento do calendário do Blancpain GT Series.

“Nós fomos fortes em Monza. Fomos muito fortes em Silverstone. Agora concretizou o resultado”, disse Jimenez. “Em Spa vamos para cima, com muita confiança. Parabéns ao Rodrigo e a todos na equipe WRT pelo resultado. Tenho certeza de que este é o primeiro pódio, de uma série que vem pela frente.”

#GTSERIES #AUTOMOBILISMO

Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !