• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Revista Publiracing

Lançados os novos Gol e Voyage.


A Volkswagen do Brasil acaba de lançar no mercado nacional os modelos Novo Gol e Novo Voyage, frutos de um investimento de R$ 363 milhões, que envolveu o desenvolvimento de engenharia veicular e de motor, aquisição de bens de capital para modernização do processo produtivo e treinamento dos colaboradores para a montagem destes dois novos produtos.

“Os investimentos reforçam a confiança da marca no País, mesmo em um cenário desafiador como o atual. O Novo Gol e o Novo Voyage serão os modelos mais tecnológicos e conectados de seus segmentos no mercado brasileiro e, para sua produção, as linhas de montagem foram modernizadas, acompanhando essas inovações”, destaca o presidente e CEO da Volkswagen do Brasil, David Powels.

Mudanças na linha de produção

Os modelos, produzidos nas fábricas Anchieta (em São Bernardo do Campo) e Taubaté, exigiram alterações importantes na linha de produção. A maior modificação ficou por conta do aumento da quantidade de itens tecnológicos que os operadores instalam nos modelos.

A área da Montagem Final das fábricas recebeu novos dispositivos para o encaixe da estrutura do novo painel (cockpit) do Novo Gol, onde estão as principais inovações tecnológicas do modelo, como o sistema App-Connect, para espelhamento de smartphone na tela sensível ao toque (touchscreen) com as plataformas MirrorLink, Apple CarPlay e Google Android Auto. Outro diferencial inserido na linha para atender a produção dos novos modelos é o equipamento para aplicação do novo design de porta luvas.

As mudanças no conjunto de peças da traseira do Gol foram as mais significativas para a área da Armação, onde as peças metálicas são unidas, formando a carroceria. Os novos designs da tampa e da lateral trouxeram um novo conceito de ajustes nas Partes Móveis. Os conjuntos de robôs responsáveis pela solda das peças que formam o conjunto traseiro do Gol passaram por ajustes com o objetivo de assegurar a perfeita geometria do conjunto nas duas fábricas.

A História

Em 35 anos de sucesso, o Gol acumula 27 anos consecutivos na liderança do mercado nacional, sendo o automóvel historicamente mais produzido, comercializado e exportado da indústria brasileira. Projetado e desenvolvido no Brasil, o Gol foi lançado no dia 8 de maio de 1980. O Voyage, integrante da família Gol, teve a primeira geração lançada em 1982, com motor a álcool ou gasolina, nas versões S (Super) e LS (Luxo Super).

As novidades

Como principais novidades ficam a nova imagem, mais próxima do design global da marca, o novo motor e sistema de infotainment, hoje em dia um dos diferenciais mais valorizados pelas marcas e segundo a marca vai proporcionar os veículos mais conectados de seu segmento no Brasil.

Conheça o novo motor

O Novo Gol e o Novo Voyage serão equipados com o motor 1.0l de três cilindros Total Flex, da família EA211. O motor 1.0l de três cilindros Total Flex está entre os mais eficientes do segmento, proporcionando uma melhoria de eficiência energética de até 11%, em relação ao modelo anterior. Por isso, o Novo Gol e o Novo Voyage mantêm a excelente Nota A (Selo Verde) no Programa Brasileiro de Etiquetagem do INMETRO.

Produzido em São Carlos, no interior de São Paulo, o motor EA211 tem 999 cm³ de cilindrada, capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. Sua potência máxima é de 75 cv (55 kW) a 6.250 rpm, quando abastecido com gasolina, e de 82 cv (60 kW) à mesma rotação, com etanol. O torque máximo é de, respectivamente, 9,7 kgfm (gasolina) e 10,4 kgfm (etanol), distribuídos na faixa de rotação de 3.000 rpm a 3.800 rpm. Já a partir de 2.000 rpm mais de 85% do torque máximo está disponível. Essa ampla faixa de distribuição do torque, que merece destaque por tratar-se de um motor sem sobrealimentação, melhora o desempenho em baixos regimes e dá fôlego para retomadas de velocidade. Além disso, combina perfeitamente com o câmbio de relações mais longas utilizado em modelos com o foco em economia de combustível.

A versão Highline do Novo Gol e Novo Voyage vem equipada com o motor 1.6 Total Flex, de até 104 cv (etanol) – versão Comfortline tem opções de motorizações 1.0 e 1.6. O motor 1.6 Total Flex é consagrado pelo sua robustez e eficiência energética. Esse motor recebeu ações de redução de atrito, em especial nos retentores das válvulas, do eixo comando e da flange do virabrequim. Essa redução de atrito proporciona menor consumo de combustível. Quando está abastecido com etanol (E100), a potência do motor 1.6l é de 104 cv (76 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 15,6 kgfm (153 Nm) a 2.500 rpm. Quando está abastecido com gasolina (E22), a potência é de 101 cv (74 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 15,4 kgfm (151 Nm) a 2.500 rpm.

O EA211 1.0l possui bloco e cabeçote feitos de alumínio, o que colabora para reduzir o peso do conjunto. Comparado a um motor de mesma cilindrada, mas com quatro cilindros, o novo EA211 é 24 kg mais leve.

A construção com três cilindros significa não apenas menor número de componentes – como biela, pistão e mancais –, como também menor perda de calor, o que aumenta sua eficiência térmica quando comparado a um motor de quatro cilindros.

Os cilindros têm maior diâmetro (são 74,5 mm, com 76,4 mm de curso), o que permite melhor enchimento da câmara de combustão. Combinada a essa característica está a vela de ignição colocada em posição central, entre as válvulas de admissão e escape, o que garante melhor frente de chama, maior velocidade e eficiência na queima da mistura ar-combustível e consequente maior eficiência térmica.

As bielas foram melhoradas e possuem desenho inovador. Cerca de 20% mais leves do que as convencionais, têm menor seção transversal e são guiadas no virabrequim.

A otimização da construção do motor está presente também na árvore de manivelas (virabrequim), que tem menor quantidade de contrapesos e o diâmetro de seus mancais principais reduzido. A massa total (peso) do componente foi reduzida, proporcionando menores inércia e atrito e aumentando a eficiência do conjunto.

Cabeçote

Com quatro válvulas por cilindro, sendo duas para admissão e duas para escape, o cabeçote tem comando de admissão variável – a variação é contínua, o que reduz consumo de combustível e emissões e melhora sensivelmente a resposta do motor em baixos regimes de rotação. A taxa de compressão é de 11,5:1. As válvulas são acionadas por balancins roletados (RSH, sigla para o termo alemão Rollenschlepphebel), recurso que minimiza o atrito entre os componentes e aprimora sua eficiência.

O cabeçote do EA211 1.0l possui coletor de escape integrado, formando uma peça única, com refrigeração líquida. Isso permite ao motor atingir sua temperatura ideal de funcionamento mais rapidamente, melhorando sua eficiência térmica.

O líquido de arrefecimento leva menos tempo para ser aquecido durante a fase fria do motor, porque recebe o calor dos gases de escape. Por outro lado, em alto regime de utilização, ocorre um controle da temperatura dos gases de escape na entrada do conversor catalítico (catalisador), permitindo que se opere mais tempo com a mistura ar-combustível estequiométrica (ideal).

O conversor catalítico (catalisador), instalado logo na saída do coletor de escape, atinge rapidamente sua temperatura adequada de operação. A chamada fase fria do motor dura menos e são reduzidas as emissões nesse estágio de funcionamento.

A construção da tampa do cabeçote é inovadora, em um processo que integra os eixos de comando (admissão e escape) e os cames de acionamento das válvulas permanentemente sem a necessidade de solda. Esse design permite a redução do diâmetro dos mancais dos eixos e, consequentemente, de atrito.

As polias de acionamento dos eixos de comando de válvulas têm desenho trioval, o que permite estabilização da força na correia dentada e de sua flutuação angular. Esse recurso, além de minimizar atrito e vibração, aumenta a durabilidade do sistema.

O coletor de admissão é feito de material polimérico de alta resistência e baixa rugosidade, garantindo fluxo de ar com baixa restrição. Como em todos os modelos Volkswagen, o conjunto de corpo de borboleta e acelerador é eletrônico.

O motor EA211 1.0l utiliza sistema de ignição com uma bobina por cilindro, o que elimina os cabos de velas e as perdas elétricas, colaborando para maior eficácia na combustão.

Duplo circuito de arrefecimento

Outra solução inovadora adotada no motor EA211 1.0l é o duplo circuito de arrefecimento, que permite temperaturas diferentes para o bloco e para o cabeçote – o sistema utiliza duas válvulas termostáticas. Com esse recurso, é possível utilizar maior temperatura de funcionamento para o bloco, tornando o óleo mais fluido e garantindo menor atrito entre os componentes.

A temperatura de arrefecimento do cabeçote, por sua vez, é menor, o que minimiza a possibilidade de detonação, melhorando o desempenho do veículo e diminuindo o consumo de combustível.

Partida a frio

O EA211 1.0l foi o primeiro motor do País nessa faixa de cilindrada a receber sistema de partida a frio que dispensa a utilização do tanque auxiliar para gasolina. Evoluçã

O sistema de partida a frio é gerenciado pela Unidade Eletrônica de Controle (ECU) do motor. O combustível é aquecido em câmaras ao lado das válvulas injetoras e opera com temperatura ambiente abaixo de 17,5°C.

A partida do motor é assistida, o que significa que não é necessário manter a chave acionada para que ela se processe – basta um leve toque na chave para a ECU comandar todo o processo de partida. Como pré-requisito, a partida só é possível se o motorista acionar completamente o pedal de embreagem. O instrumento combinado alerta o motorista para efetuar esse procedimento.

Transmissão alongada

Como parte do pacote de melhoria da eficiência energética do Novo Gol e Novo Voyage, a transmissão MQ200 teve as relações alongadas em até 10% em comparação à utilizada no Gol 1.0l anterior. A medida foi possibilitada graças à maior disposição de torque em baixos regimes de giro. Isso faz com que o motor trabalhe em rotações mais baixas às mesmas velocidades, resultando em menor consumo de combustível e maior conforto em velocidades de cruzeiro.

Quando abastecido com gasolina, o Novo Gol tem redução de consumo energético de até 12%, em relação ao modelo anterior, comercializado até então com motor 1.0 quatro cilindros Total Flex.

Pneus de baixa resistência ao rolamento

Como item de série, as versões do Novo Gol e Novo Voyage vêm equipadas com pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, com aumento na aplicação de sílica em sua composição. Na versão de entrada Trendline, os pneus “verdes” são na medida 175/70 R14. Para a versão intermediária Comfortline, os modelos podem receber pneus “verdes” na medida 185/65 R14. Já os pneus “verdes” de maior largura e diâmetro, 195/55 R15, equipam de série a versão topo de linha Highline. Essa versão também pode ser equipada, como opcional, com pneus mais esportivos, na medida 195/50 R16, com novas rodas diamantadas.

Desempenho

Quando abastecido com gasolina, o Novo Gol acelera de 0 a 100 km/h em 12,6 segundos e atinge velocidade máxima de 168 km/h. Com etanol, são 12,3 segundos para a aceleração de 0 a 100 km/h e 170 km/h de velocidade máxima.

Já o Novo Voyage cumpre as mesmas provas de aceleração em 12,9 segundos (gasolina) e 12,7 segundos (etanol). A velocidade máxima do sedã é de 173 km/h (gasolina) e 175 km/h (etanol).

Conforto acústico

Os modelos agora adotam sistema de escapamento redimensionado e novas mantas de isolação da cabine. Além disso, o motor da família EA211 é ancorado por um sistema de coxinização pendular – o peso do conjunto propulsor é suportado pelo novo coxim hidráulico do motor e pelo coxim da transmissão (seco). O sistema também conta com um restritor de torque, que controla a movimentação longitudinal (em relação ao veículo) do motor. A vantagem desse sistema pendular de coxinização é oferecer alto desempenho acústico, proporcionado mais conforto ao dirigir.

Motor 1.6l Total Flex.

O motor 1.6l Total Flex, da família EA111, está disponível para as versões intermediária (Comfortline) e topo de linha (Highline) do Novo Gol e do Novo Voyage. Com 1.598 cm³ de cilindrada, quatro cilindros em linha e duas válvulas por cilindros, o consagrado motor proporciona excelentes números de desempenho. Com câmbio manual de cinco marchas (MQ200), de engates precisos e eficientes, o Novo Gol é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos. Com etanol, os 100 km/h são atingidos em 9,8 segundos; com gasolina, em apenas 10,1 segundos. A velocidade máxima também merece destaque, com 188 km/h (etanol) e 186 km/h (gasolina).

O Novo Voyage apresenta o mesmo vigor do Gol nas acelerações, com números praticamente iguais: 9,9 segundos (etanol) e 10,1 segundos (gasolina). A velocidade máxima do sedã é de 192 km/h (etanol) e 190 km/h (gasolina).

Transmissão I-Motion

O motor 1.6l ainda pode ser aplicado à transmissão automatizada ASG (iniciais de Automated Sequential Gearbox). O Novo Gol e o Novo Voyage I-Motion oferecem o melhor de dois mundos: o conforto de um câmbio automático e a eficiência mecânica de um câmbio manual. Além disso, o preço do câmbio I-Motion é extremamente atraente, se comparado à transmissão automática convencional (com conversor de torque).

Recursos eletrônicos de última geração

O Novo Gol e Novo Voyage contam com a nova arquitetura eletrônica da marca Volkswagen, que possibilitou a instalação de recursos e equipamentos de segurança. Os modelos trazem de série airbags frontais e freios ABS (Antilock Brake System, ou Sistema Antitravamento dos freios) com EBD (Electronic Braking Distribution, ou Distribuição Eletrônica de Frenagem). Conta também com o sistema ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência) como equipamento de série.

O ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras. Toda vez que o motorista aciona o pedal de freio de forma acentuada, em que atua o ABS, o sistema aciona as luzes traseiras de freio de forma intermitente, sinalizando aos motoristas que vêm atrás que o Novo Gol e Novo Voyage estão tendo uma desaceleração acentuada.

O Novo Gol e Novo Voyage também trazem o Comfort Blinker, importante recurso de conforto e segurança. Esse dispositivo, presente também em modelos como Golf, Jetta e Passat, possibilita que o motorista, com um leve toque na alavanca de seta, indique a direção que pretende ir com o veículo, sem necessariamente acionar a alavanca de seta completamente. Com esse leve toque, o sistema aciona a luz de seta três vezes seguidas e indica a intenção de troca de faixa.

Controlador de velocidade de cruzeiro e ECO Comfort

Em seu novo quadro de instrumentos com iluminação branca, os modelos trazem de série, além do computador de bordo, a indicação de consumo instantâneo de combustível. O item auxilia o motorista a conduzir de forma mais econômica. Outro dispositivo de auxilio ao motorista para uma condução voltada à economia é o indicador digital de troca de marchas. O motorista recebe a informação da marcha ideal a ser engatada por meio de um indicador numérico e por setas orientando o motorista a reduzir ou aumentar a marcha.

O painel traz também o indicador digital de velocidade, que ajuda a controlar com mais precisão a velocidade instantânea, importante para evitar multas por excesso de velocidade. O painel também conta com o velocímetro analógico. Neste quesito, o Novo Gol e Novo Voyage podem ser equipados, como item opcional, com controlador de velocidade de cruzeiro (“piloto automático”), para maior conforto em velocidades constantes.

O Novo Gol e Novo Voyage contam ainda com o I-System, no instrumento combinado do painel, com informações do rádio – como a sintonia (AM/FM) e o nome da música que está tocando –, o status do telefone (se está ou não conectado com o Bluetooth) e os dados do computador de bordo (que informa distância percorrida, tempo de viagem, velocidade digital, consumos instantâneo e médio de combustível e autonomia).

Adicionalmente, os modelos vêm equipados com o sistema ECO Comfort. Esse dispositivo está presente em todas as versões (com I-System) e orienta o motorista a dirigir de forma mais econômica, por meio de mensagens no painel (instrumento combinado), que podem ser selecionadas para aparecer tanto com o veículo parado como em movimento.

Ar-condicionado ligado – Se o ar-condicionado estiver ligado e o vidro for abaixado mais de 20%, aparecerá a seguinte mensagem no instrumento combinado: “Ar-condicionado ligado; fechar janelas”. Essa medida reduz o consumo de combustível, pois aumenta a eficiência do sistema de ar-condicionado, ao manter o interior refrigerado, demandando menos energia do motor para acionamento do compressor do ar-condicionado.

Aceleração em vão - Com o veículo parado, o ECO Comfort também pode emitir alertas visuais com as mensagens: “Não acionar o pedal do acelerador na partida do motor” e “Não acionar o pedal do acelerador com o veículo parado”. Essas duas medidas evitam que a rotação do motor seja elevada sem necessidade, economizando combustível antes mesmo de o veículo entrar em movimento.

“Evite ter o motor em funcionamento com o veículo parado.” Essa mensagem também pode aparecer no painel, em condições com temperatura ambiente de até 50°C e com o motor em funcionamento por mais de 10 segundos. A finalidade é evitar o desperdício de combustível em marcha lenta.

Resistência aerodinâmica - Com o veículo em movimento, outras importantes recomendações do ECO Comfort ajudam a economizar combustível. Por exemplo: se o motorista estiver dirigindo acima de 90 km/h e com as janelas abertas mais de 20%, surgirá a mensagem “Resistência do ar: verifique se as janelas estão fechadas”. Os vidros completamente fechados otimizam a penetração aerodinâmica em altas velocidades, reduzindo a resistência do ar ao movimento.

Frenagem - O ECO Comfort também recomenda, por meio de mensagem no painel, que o motorista não pressione os pedais de freio e embreagem ao mesmo tempo por mais de 6 segundos, no momento de desaceleração. Por isso a dica: “Na frenagem, desengatar apenas abaixo de 1.300 rpm”. Essa recomendação reduz o consumo porque, no momento em que o motorista para de acelerar, com a marcha engatada, o acelerador eletrônico envia um sinal para Unidade Eletrônica de Controle cortar completamente a injeção de combustível do motor. Só que, para o motor continuar em funcionamento, é preciso que a embreagem seja desacoplada em uma rotação próxima da marcha lenta. Portanto, a indicação para pressionar a embreagem abaixo de 1.300 rpm considera uma margem até a rotação real de marcha lenta.

Por outro lado, se o motorista mantiver os pedais de freio e embreagem pressionados ao mesmo tempo, o motor passa a funcionar em marcha lenta, mas com algum consumo de combustível, a fim de manter o propulsor em funcionamento.

‘Tilt down’

Quando equipados com ajustes elétricos dos espelhos retrovisores, o Novo Gol e o Novo Voyage ganham a função “tilt down”, presente em modelos como Golf e Passat. Esse recurso regula automaticamente o espelho retrovisor do lado do passageiro, apontando para o meio-fio toda vez que a marcha à ré é engatada. Ao desengatar a marcha à ré, o espelho retorna exatamente à posição que estava ajustado previamente.

O “tilt down” ainda permite que o motorista ajuste o quanto deseja que o espelho seja rebaixado ao ser acionado, melhorando o campo de visão do meio-fio.

Design com interior completamente novo

O Novo Gol e o Novo Voyage chegam para ser referência em termos de conforto e design interior, com um painel novo. Desenvolvido com base na filosofia “driver oriented” (aquela onde todos os botões e comandos estão posicionadas de forma privilegiada para o motorista), o novo painel dos modelos é muito mais moderno, com visual e acabamento premium e uma série de recursos tecnológicos, além de permitir uma série de combinações de cores e acabamentos. Agora, o console central do painel que acolhe rádios “doble din” de ultima geração.

Todas as linhas que determinam o painel foram valorizadas e estão mais horizontais, a exemplo da faixa inferior que percorre o painel de um lado a outro. Essa faixa, assim como a tonalidade do painel e do acabamento interno, varia de acordo com cada versão do Novo Gol e do Novo Voyage. Com aplicação de nova tecnologia, chamada In Mold Decoration – IMD, o detalhe do painel ganha mais destaque nas cores e grafismos aplicados.

O novo volante multifuncional, semelhante ao do Golf, confere ainda mais requinte e sofisticação ao interior dos modelos. Há também uma atenção especial às saídas de ar-condicionado, que contam com um formato angulado muito elegante e funcional, típico de veículos de alto padrão. O instrumento combinado também é inteiramente novo e ganhou iluminação de LEDs em branco.

App-Connect – A mais alta tecnologia para o segmento de compactos.

Quatro novos sistemas de som – O Novo Gol e Novo Voyage trazem a maior variedade de sistemas de infotainment do mercado brasileiro: “Media”, “Media Plus”, “Composition Touch” e “Discover Media”.

De série na versão Comfortline, o novo sistema “Media Plus” já conta com as funções principais de conectividade, tais como: Bluetooth com função streaming de áudio, entradas USB/ AUX-IN e para cartões de memória do tipo SD-card e leitor de CD, e pode ser combinado aos recursos “Park Distance Control” (exibindo em sua tela a silhueta do veículo em manobras de estacionamento) e volante multifuncional, com desenho semelhante ao do Novo Golf e do Novo Passat.

Já o “Composition Touch” passa a ser oferecido para o Novo Gol e Novo Voyage nas versões Comfortline e Highline. Assim como o “Discover Media”, proporciona a reprodução e operação da tela do telefone celular (smartphone) diretamente na tela colorida e de alta resolução do sistema de infotainment, como se fosse um espelho, e sem comprometer a segurança na condução do veículo. O “Composition Touch” oferece, entre outros itens, tela colorida de 5” de alta resolução sensível ao toque, com funções avançadas de conectividade, como leitor de mensagens (SMS). É compatível com o sistema MirrorLink, para smartphones com a plataforma Android certificados, oferecendo interatividade e entretenimento com segurança.

O “Discover Media” é o sistema de infotainment mais avançado de todos e conta com navegação integrada, tela colorida de alta resolução com 6,33” sensível ao toque (com sensor de aproximação), e conectividade avançada com os smartphones por meio da tecnologia Volkswagen App-Connect.

Conta ainda com leitor de CD, duas entradas para SD-Card, Aux in e porta USB. Estas duas ficam posicionadas à frente do câmbio, na parte inferior do console central. As entradas para SD-Card ficam nas laterais da área frontal dos sistemas de infotainment. Tudo ao alcance do motorista, melhorando ainda mais a funcionalidade e a ergonomia dos modelos, considerados referência nesses quesitos em sua categoria.

É possível parear via Bluetooth dois celulares simultaneamente e operar telefone e áudio (streaming). A central de infotainment “Discover Media” permite a locução de mensagens de texto (SMS) do celular por meio dos alto-falantes. E mais: é possível responder por meio de comando de voz a mensagem, enviada em formato SMS.

O sistema de infotainment “Discover Media” traz adicionalmente recurso de navegação que se destaca pela facilidade de uso e interatividade com o painel de instrumentos, possibilitando uma condução mais segura e confortável. Esse sistema também contempla o “MapCare”, que permite a atualização periódica gratuita da base de mapas durante toda a vida do veículo. Fotos, vídeos e músicas em diversos formatos são alguns exemplos de mídias que podem ser “lidas”.

Volante multifuncional e comandos por voz - Praticamente todos os comandos podem ser executados sem a necessidade de o motorista tirar as mãos do volante, operando o sistema por meio das teclas do volante multifuncional ou por comandos de voz. Por falar nisso, é possível selecionar as mídias (CD, SD-Card, Bluetooth, entradas auxiliar e USB), operar o telefone e o sistema de navegação apenas utilizando a voz.

Soma-se à comodidade as teclas de atalho no volante o sistema I-System, que também mostra na tela central no painel de instrumentos as principais operações de rádio, telefonia e navegação exibidas na tela do sistema de infotainment.

Além do botão à direita do sistema de infotainment e da barra de frequências que aparece na parte inferior da tela e os botões do volante, os sistemas oferecem a possibilidade de operar o rádio por meio de comandos de voz. Também é possível associar imagens salvas em um SD-Card ou pen drive, por exemplo, aos logotipos de emissoras.

Sensor de aproximação – O “Discover Media” oferece tela com sensor de aproximação: assim que o motorista ou o passageiro da frente movimentam a mão próximo à tela, o sistema automaticamente apresenta comandos e funcionalidades na tela, aproveitando ao máximo o espaço da tela.

No modo display o sistema de infotainment mostra apenas o essencial. No modo operacional, novos elementos aparecem, podendo ativar funções através de toques que são destacados para simplificar a utilização intuitiva. As telas também têm uma função que permite que as listagens sejam roladas ou que as capas dos CDs na biblioteca de mídia sejam selecionadas rapidamente.

Alta conectividade - As centrais contam ainda com leitor de CD, entrada para SD-Card (no “Discover Media” são duas), Aux in e porta USB. Estas duas ficam posicionadas à frente do câmbio, na parte inferior do console central, uma região de fácil acesso que permite abrigar com segurança aparelhos de celular no porta-copos, por exemplo. As entradas para o SD-Card ficam nas laterais da área frontal do sistema “Discovery Media”. Tudo ao alcance do motorista, melhorando ainda mais a funcionalidade e a ergonomia do Novo Gol e Novo Voyage.

É possível parear via Bluetooth dois celulares simultaneamente e operar telefone e áudio. Ambas as centrais de infotainment permitem a leitura de mensagens de texto (SMS) do celular por meio dos alto-falantes. E mais: é possível responder por meio de comando de voz a mensagem, que é enviada em formato SMS.

App Connect - Um único sistema para quase todos os smartphones. A Volkswagen apresentou o MirrorLink pela primeira vez – espelhando o smartphone na tela do veículo – no lançamento do Polo na Europa em 2014. O MirrorLink foi desenvolvido por um consórcio industrial de fabricantes de automóveis e smartphones (Samsung, HTC, Sony e LG).

A Volkswagen agora está expandindo a gama de plataformas de smartphones, acrescentando sistemas da Apple (CarPlay) e Google (Android Auto). Da mesma forma que o MirrorLink, eles são usados para exibir e operar aplicativos de smartphones utilizando as telas dos sistemas de informação e entretenimento. Mais do que isso: a Volkswagen reuniu os sistemas CarPlay, Android Auto e MirrorLink dentro do conceito App Connect. Vale lembrar que nos compactos da Volkswagen só podem ser “espelhados” aplicativos certificados por cada um dos sistemas e que algumas funções estão disponíveis para determinados modelos de aparelhos celular.

MirrorLink

Essa tecnologia possibilita mostrar conteúdos e operar funções do telefone celular por meio da tela do sistema de infotainment. Para evitar distrair o motorista, aplicativos desenvolvidos especialmente podem ser utilizados com o carro em movimento.

A operação é intuitiva: o usuário simplesmente conecta o smartphone ao carro e passa a usar o aplicativo por meio da tela do sistema de infotainment. O MirrorLink utiliza um padrão desenvolvido pelo Car Connectivity Consortium (CCC). Segundo esse padrão, os aplicativos do telefone são “espelhados” na tela da central multimídia do carro e sua operação é feita por meio do sistema de infotainment sem comprometer a segurança na condução do veículo.

Como os aplicativos de smartphone s estão sempre atualizados, o MirrorLink nunca se torna obsoleto. Entre os aplicativos disponíveis estão My Guide, Shared Audio, Glympse, Aupeo!, miRoamer, Parkopedia e Sygic – aplicativo de navegação offline, que permite baixar os mapas localmente e utilizar a navegação mesmo sem sinal GSM.

Google Android Auto

O Android Auto foi desenvolvido pelo Google para smartphones que utilizam a plataforma Android. Exatamente como no MirrorLink e no CarPlay, aplicativos selecionados desses telefones são mostrados na tela do sistema de infotainment do carro.

Assim como nos demais sistemas, uma conexão USB serve de interface. Os aplicativos que podem ser incorporados por meio do Android Auto incluem Google Maps, Google Play Music, WhatsApp e Spotify. Também estão planejados: SoundCloud, Text Me!, textPlus, Sticher Radio, Pandora® internet radio, iHeartRadio, TuneIn Radio, Pocket Casts, Joyride Podcast e Umano.

Muitos aplicativos do Android Auto podem ser utilizados tanto por meio da central multimídia do veículo como pelo controle de voz Google Voice, que poderá ser ativado por um botão no volante multifuncional do Novo Gol e Novo Voyage.

Apple CarPlay

O Apple CarPlay é a tecnologia de espelhamento desenvolvida pela Apple e incorpora o controle por voz da Siri e também funciona com os controles do carro, como botões ou tela sensível ao toque. Assim como os demais sistemas, o Apple CarPlay foi desenvolvido para ser usado no trânsito, permitindo utilizar alguns recursos do telefone enquanto estiver dirigindo, sem que o motorista precise tirar as mãos do volante ou mesmo desviar os olhos do trânsito.

Com o telefone conectado na entrada USB, a interface pode ser feita por meio de comandos de voz, com a ajuda da tecnologia da Siri. É possível realizar chamadas telefônicas, retorne ligações e escutar mensagens de voz por meio dos alto-falantes do veículo. O sistema também é capaz de ler, enviar e responder mensagens de texto.

O Apple CarPlay permite ouvir toda a coleção de músicas e podcasts armazenados no telefone, controle de mensagens, controle do telefone e alguns outros aplicativos a serem disponibilizados pela Apple como por exemplo o Spotify, Podcasts, Stitcher, Overcast e Umano

Novos itens de série e melhor relação-custo benefício

Trendline – Acessível e racional

O Novo Gol e o Novo Voyage passam a trazer, entre outros equipamentos, itens de série como direção hidráulica, vidros dianteiros com acionamento elétrico e travamento central. O Novo Gol traz ainda limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro com temporizador. As versões Trendline, Comfortline e Highline reforçam a excelente relação custo-benefício dos modelos, com novos sistemas de som e pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, como itens de série. Os modelos também estão equipados com o novo conjunto ótico frontal escurecido (com máscara negra), cinto de segurança traseiro retrátil, grade preta, conta-giros (tacômetro) e limpadores do para-brisa aerowischer (que têm aerodinâmica mais eficiente e melhor performance).

As versões de entrada do Novo Gol e Novo Voyage vêm equipadas também com rodas de 14 polegadas e pneus 185/65 R14 (motor 1.6) e 175/70 R14 (motor 1.0), de baixa resistência ao rolamento. Além disso, os modelos contam de série com bancos do motorista com regulagem de altura e novo “cluster” (instrumento combinado), conferindo mais conforto para o motorista.

Como opcional, a versão Trendline pode ser equipada com sistema de ar condicionado e pacote “Interatividade”, com sistema de som “Media”, 6 alto-falantes e o exclusivo suporte para celular, capaz de posicionar e carregar smartphones de até 6 polegadas. O “Media” já possibilita as principais funções mais utilizadas em sistemas de som automotivo: Bluetooth com função streaming de áudio, entradas USB/ AUX-IN e para cartões de memória do tipo SD-card.

Para quem busca ainda mais conectividade, o Novo Gol e Novo Voyage oferecem o pacote “Interatividade Composition Touch”. Neste caso, o sistema de infotainment proporciona a reprodução e operação da tela do telefone celular (smartphone) diretamente na tela colorida e de alta resolução do sistema de infotainment, como se fosse um espelho, e sem comprometer a segurança na condução do veículo. O “Composition Touch” oferece, entre outros itens, tela colorida de 5” de alta resolução sensível ao toque, com funções avançadas de conectividade, como leitor de mensagens (SMS). É compatível com o sistema MirrorLink, para smartphones com a plataforma Android certificados, oferecendo interatividade e entretenimento com segurança.

Comfortline – Conforto e custo-benefício

Versão intermediária, a Comfortline vem ainda mais equipada com novos itens de série, entre eles o ar-condicionado e o sistema de infotainment “Media Plus”, que oferece funções de conectividade como rádio, leitor de arquivos MP3, Bluetooth com streaming de áudio e entradas USB, SD e Aux-in, acrescidas de leitor de CD, e pode ser combinado aos recursos “Park Distance Control” (exibindo em sua tela a silhueta do veículo em manobras de estacionamento) e volante multifuncional, com desenho semelhante ao do Novo Golf e Novo Passat.

No interior, a versão Comfortline vem equipada com computador de bordo completo, painel com faixa horizontal em “Black / Blue”, painel de instrumentos em 2 cores, para-sol com espelho iluminado, tampa do porta-malas com abertura elétrica e porta-objeto removível. Já na parte exterior, a versão destaca os frisos laterais, maçanetas e retrovisores na cor do veículo, faróis de neblina, grade dianteira em preto brilhante com um inserto cromado, lanternas traseiras escurecidas, repetidores de seta nos retrovisores (side blinkers) e pneus 195/55 R15, de baixa resistência ao rolamento.

Como item opcional, o destaque da versão Comfortline é o pacote “Connect”, reforçando a conectividade sem precedentes no segmento. Esse pacote oferece o sistema de infotainment mais avançado de todos e conta com navegação integrada, tela colorida de alta resolução com 6,33” sensível ao toque (com sensor de aproximação), e conectividade avançada com os smartphones por meio da tecnologia Volkswagen App-Connect. Com isso, é possível espelhar os smartphones nas principais plataformas: Mirror Link, Android Auto e Apple Car Play. O sistema também amplia a conectividade com leitor de CD, duas entradas para SD-Card, Aux in e porta USB no console central, à frente da alavanca de câmbio.

O pacote “Connect” ainda traz ar-condicionado, volante multifuncional com comando de sistema de som e do “I-System”, rodas de liga leve de 15 polegadas, travamento elétrico com comando remoto, vidros elétricos dianteiros e traseiros, espelhos retrovisores externos elétricos com função tilt down no lado direito, sensor de estacionamento traseiro, chave tipo "canivete" com comando remoto, "I-System com ECO Comfort“ e suporte para celular. A cor externa é sempre ‘Azul Lagoon’, com detalhes internos em ‘Blue Color Concept’, em insertos horizontais no painel e tom azulado nas laterais dos bancos.

Highline – Requinte e exclusividade

Para as versões topo de linha, o motor 1.6I de 104 cv é um dos grandes destaques, além de itens de série mais sofisticados. A coluna de direção, por exemplo, permite ajuste de altura e profundidade, em perfeita sintonia com a ergonomia do novo painel do Novo Gol e do Novo Voyage e proporcionando excelente posição de dirigir para motoristas das mais variadas estaturas.

Além disso, a Highline traz de série espelhos retrovisores externos elétricos com função tilt down, frisos laterais cromados, I-System, painel com inserto na faixa horizontal, ponteira de escape cromada, rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de estacionamento traseiro, sistema de infotainment Composition Touch, tapetes em carpete e volante multifuncional – no caso da versão I-Motion, o incorpora paddles shifts atrás do volante, para troca de marchas de forma manual.

Como opcional, a versão Highline oferece três pacotes: suporte para celular, “Módulo Navegação” com o sistema de infotainment “Discover Media” e pacote “Highline Completo”. Neste último pacote, o cliente reunirá bancos revestidos em couro sintético “Native”, encosto do banco traseiro bipartido, rodas de liga leve de 16 polegadas em pneus 195/50, Controlador de Cruzeiro (“Piloto automático”), função Coming/leaving home, espelho retrovisor interno antiofuscante (eletrocrômico) e sensores de chuva e crepuscular.

Arquitetura eletrônica eficiente – Mais conforto e tecnologia

A arquitetura eletrônica do Novo Gol e Novo Voyage permite adicionar itens de conforto e conveniência para os clientes. Os modelos são equipados com aviso sonoro de faróis ligados de série para todas as versões. Esse sistema emite um alerta sonoro quando, com o veículo desligado, o motorista abre a porta com a lanterna ou faróis acionados, evitando que os faróis e as lanternas permaneçam ligados ao sair do veículo.

As luzes da cabine têm o sistema progressivo de desligamento (fade out) em todas as versões do Novo Gol e do Novo Voyage. Isto é, em vez de apagar as luzes internas de uma vez, agora o sistema de iluminação controla a intensidade das lâmpadas, reduzindo de forma gradativa e suave as luzes até que elas se desliguem.

Também estão à disposição do cliente os faróis com a função Coming and Leaving Home como opcional (chegando e saindo de casa). Toda vez que o veículo estiver desligado e as portas forem travadas ou destravadas, os faróis se acenderão automaticamente por 30 segundos, iluminando a área próxima ao carro.

I-System semelhante ao do Novo Jetta

Outra evolução da arquitetura eletrônica é o novo I-System (opcional). O Novo Gol e o Novo Voyage passam a contar com um sistema semelhante ao utilizado no Novo Jetta, com maior tamanho, velocidade e fácil leitura.

Esse sistema concentra as informações do rádio – como a sintonia (AM/FM) e o nome da música que está tocando –, o status do telefone (se está ou não conectado com o Bluetooth) e os dados do computador de bordo. Este, por sua vez, fornece informações como distância percorrida, tempo de viagem, velocidade digital, consumos instantâneo e médio de combustível e autonomia.

A exemplo do sistema utilizado no Novo Jetta, o I-System do Novo Gol e do Novo Voyage permite, por meio de um menu, configurar diversas funções do veículo. Entre os ajustes disponíveis estão idioma do sistema, opções do rádio e do alarme, funções e unidades do computador de bordo, tempo de duração do sistema Coming and Leaving Home, volume do beep do sensor de aproximação de obstáculos traseiros, informações do sistema ECO Comfort e a opção de restaurar os padrões estabelecidos de fábrica.

Aerowischer – Eficiência e segurança

A qualidade superior da arquitetura eletrônica mais eficiente está em cada detalhe do Novo Gol e do Novo Voyage. Nos sistemas de limpadores de vidro, por exemplo. Agora, as palhetas utilizam a tecnologia aerowischer, que tem funcionamento mais silencioso, com melhores aerodinâmica, performance e durabilidade, em comparação às palhetas convencionais.

Além disso, os limpadores dos vidros do Novo Gol e do Novo Voyage nunca param no meio do para-brisa, mesmo quando o veículo é desligado com o sistema acionado. Graças à nova arquitetura eletrônica, os limpadores sempre completam o movimento e voltam à posição inicial.

O mesmo vale para a palheta do limpador do vidro de trás. Esta é ligada automaticamente toda a vez que o limpador dianteiro estiver acionado e a marcha à ré do câmbio for engatada.

Auxílio visual para estacionar

Quando o Novo Gol ou o Novo Voyage estão equipados com o sensor de aproximação de obstáculos traseiros (opcional), o novo rádio exibe na tela central a silhueta digital no formato da carroceria do veículo (visto de cima), exibindo uma barra que vai se aproximando do veículo à medida que a distância do obstáculo diminui. O sistema ainda conta com o auxílio sonoro (beep), que vai aumentando a intermitência conforme o carro se aproxima do objeto.

Chamado de PDC (Parking Distance Control), ou controlador de distância ao estacionar, esse sistema funciona por meio de quatro sensores instalados no para-choque traseiro. Posicionados em locais estratégicos com o objetivo de ter o máximo de eficiência, esses sensores são pintados na cor da carroceria e contam com acabamento refinado, de forma que ficam bem discretos no veículo, praticamente imperceptíveis.

Quatro opções para o estilo das rodas

As opções de tamanho e design das rodas é uma clara demonstração da grande quantidade de equipamentos à disposição do cliente. O Novo Gol e o Novo Voyage têm dois tipos de estilos de calotas, que diferenciam as rodas de aço de 14 e de 15 polegadas. Já o cliente que preferir o conjunto de liga-leve, pode optar pelas rodas de 15 ou 16 polegadas.

De série, os modelos 1.0 contam com rodas de aço de 14 polegadas, calçadas com pneus 175/70 R14 ou 185/65 R14 e protegidas com calotas design “Xisto”. Há a opção de equipar os modelos 1.6 com rodas de aço com 15 polegadas e calotas design “Gabro”. Estas contam com pneus nas medidas 195/55 R15, sempre com pneus de baixa resistência ao rolamento (“pneus verdes”).

Com as rodas de liga-leve, para cada medida há um desenho. O conjunto de 15 polegadas (com compostos 195/55 R15) são montadas em rodas design “Marga”, com oito hastes trabalhas nos mínimos detalhes.

Para quem busca esportividade, o Novo Gol e o Novo Voyage podem receber ainda um conjunto de rodas de 16 polegadas design “Varvito”, inspirado no desenho icônico das rodas do modelo anterior do Gol. Neste caso, a rodas são polidas na face e têm acabamento pintado de cinza escuro no interior das hastes, montadas em pneus 195/50 R16, de perfil mais baixo e mais esportivo.

Melhor aproveitamento do porta-malas

O Novo Voyage traz o porta-malas totalmente forrado, item que melhora o visual do bagageiro, tornando-o um local mais adequado para abrigar malas. Em tempo: o Novo Voyage é capaz de acomodar 480 litros no porta-malas. No Novo Gol, o compartimento de carga tem capacidade para 285 litros, um dos maiores da categoria.

O Novo Voyage ainda pode ser equipado com o recurso do piso elevado do porta-malas. Esse sistema funcional, que permite a melhor distribuição de malas e aproveitamento do espaço do bagageiro, é semelhante ao utilizado no Passat Variant e é outra exclusividade no segmento.

O piso elevado no porta-malas (Trunk High Floor) traz um segundo nível no bagageiro, de forma que é possível acomodar objetos tanto embaixo quanto em cima dessa divisória, o que facilita muito a vida em situações corriqueiras do cotidiano. Nos supermercados, por exemplo. Com o piso elevado é possível separar os pequenos objetos e acomodá-los sob a tampa, para que estes não se espelhem pelo porta-malas. Já os volumes maiores podem ser alocados sobre a tampa.

Robustez e confiabilidade

O Novo Gol e Novo Voyage, conhecidos no mercado brasileiro por sua robustez e confiabilidade, oferecem um dos menores índices de reparabilidade da categoria, de acordo com o CESVI Brasil. Isso se traduz em menor tempo e custo de reparo, se comparado a outros modelos do mesmo segmento de mercado.

O Novo Gol e Novo Voyage ainda contam com três anos de garantia total e a maior rede de concessionárias do País, com mais de 600 concessionárias em todas as regiões do Brasil.

Volkswagen Financial Services lança plano exclusivo

A Volkswagen Financial Services, maior financeira de montadora do país segundo ranking do Banco Central, desenvolveu um produto exclusivo para o Novo Gol e para o Novo Voyage.

Além do baixo valor de entrada (30% a 50%), as parcelas são até 25% menores do que as de um financiamento comum e estão divididas em 35 meses.

Ao final, o consumidor pode utilizar o próprio veículo para quitar o valor residual, que corresponde a 30% do bem, e dar entrada em um novo Volkswagen. Também há a opção de quitar a prestação e permanecer com o veículo ou refinanciar a parcela e ficar com o bem.

O Plano Sempre Novo possibilita ao consumidor o acesso a um Volkswagen 0km a cada três anos. Ele estará disponível em março para alguns modelos, incluindo o Novo Gol e o Novo Voyage. Ao adquirir este plano, o cliente ainda poderá incluir o pacote Revisões Planejadas Volkswagen, garantindo o pagamento de revisões no mesmo contrato.

Fotos e informações gentilmente cedidos pela Volkswagen do Brasil

#Volkswagen

Pensando em vender seu veículo? - Nós compramos !
Inscrições abertas para o SIMEA 2021!!
Coluna de André Maranhão - Veículos híbridos e eletricos